You are currently viewing Arthur Virgílio alfineta Bolsonaro e Omar

Arthur Virgílio alfineta Bolsonaro e Omar

Arthur Virgílio alfineta Bolsonaro e Omar

O ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (PSDB), alfinetou, nesta segunda-feira (28), dia em que a Zona Franca de Manaus (ZFM) completa 55 anos, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), pelo decreto que reduz 25% das alíquotas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e o líder da bancada federal do Amazonas no Congresso Nacional, senador Omar Aziz (PSD) que se rende aos interesses de outros e não defende os interesses da população do Amazonas.

Anúncios

“A Zona Franca de Manaus completa 55 anos e muitas foram as lutas para chegar até aqui, gerando empregos no Amazonas e mantendo a floresta em pé. Nesta data, que seria de celebração, enfrentamos mais uma dura batalha para manter a continuidade do Polo Industrial. Triste vermos nossos representantes no Congresso Nacional se rendendo a interesses de outros que não o de defender nossa gente e nossa terra”, disse Arthur que afirmou:

“Vamos à luta porque salvar a Zona Franca é salvar a floresta e o Brasil”.

O político ainda disse que a ZFM precisa ser apoiada e discutir incentivos.

“Isso é uma tolice enorme porque ela (ZFM) faz parte da constituição até pelo menos 2073. Então, desobedecer isso, cortar incentivos, é tão impossível quanto se permitir que alguém desobedeça qualquer outro artigo da Constituição. A constituição é para se obedecida e ela diz: “Obedeçam que a Zona Franca de Manaus merece incentivos fiscais”, finalizou Arthur.

Deixe um comentário