You are currently viewing Capacitação para Conselheiros Tutelares do Amazonas tem início programado para setembro

Capacitação para Conselheiros Tutelares do Amazonas tem início programado para setembro

Capacitação para Conselheiros Tutelares do Amazonas tem início programado para setembro

Com a finalidade de dar os encaminhamentos ao projeto de capacitação dos Conselheiros Tutelares do interior do estado, o deputado estadual Álvaro Campelo (Progressistas), acompanhado de representantes do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM) e Defensoria Pública (DPE-AM), reuniu-se na tarde desta segunda-feira (16), com a titular da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade de Ensino do Amazonas (SEDUC), Kuka Chaves.

Anúncios

Na oportunidade, foi discutido o cronograma de conteúdo das aulas e carga horária, bem como o meio de transmissão para levar o treinamento de forma eficaz aos municípios. Entre as definições já alinhadas, está o uso do Centro de Mídias da SEDUC para as aulas EAD, além dos dias de curso. A principio, um cronograma foi montado e dividido por calhas, previsto para iniciar no próximo mês.

O deputado Álvaro Campelo (Progressistas), que preside a Comissão de Promoção e Defesa das Crianças, Adolescentes e Jovens da Aleam, destacou a relevância do projeto. “A iniciativa visa a dar suporte aos conselheiros tutelares, em especial do interior, que esbarram na grande dificuldade de locomoção até Manaus, onde sempre acontecem as capacitações. Mas esses cursos serão abertos também para a rede e proteção e para todas as pessoas que se interessam pela causa”, afirmou o parlamentar.

A titular da Seduc, Kuka Chaves, colocou-se à disposição para auxiliar no projeto que pretende até o fim de 2022, alcançar todos os 62 municípios do interior. “Foi uma reunião muito produtiva na presença do deputado Álvaro, juntamente com representantes do Tribunal de Justiça e Defensoria Pública. A Seduc se coloca sempre parceira da Comissão da Assembleia e espero que a gente consiga realmente levar a informação lá na ponta para quem mais precisa”, concluiu a secretária.

2° edição da Cartilha dos Direitos da Criança e do Adolescente

Além do Curso de Capacitação aos Conselheiros Tutelares, a Comissão de Promoção e Defesa dos Direitos das Crianças, Adolescentes e Jovens da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil, Secção Amazonas (OAB-AM), também estão trabalhando conjuntamente para o lançamento da segunda edição da Cartilha de prevenção e combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes, que tem como objetivo auxiliar o trabalho da rede de proteção e conselheiros tutelares, em especial, do interior do Amazonas.

Denúncia

As denúncias de abuso, exploração sexual e trabalho infantil, podem ser feitas pelo Disque 100, pessoalmente, no conselho tutelar mais próximo ou em qualquer delegacia. Em Manaus, o registro é realizado na Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), ou pelo WhatsApp da Comissão da Aleam: (92) 99111-0112. Não é necessário revelar a identidade para denunciar.

Deixe um comentário