Delegado Pablo vota a favor de PL que torna a pedofilia em crime hediondo

Delegado Pablo vota a favor de PL que torna a pedofilia em crime hediondo

Delegado Pablo vota a favor de PL que torna a pedofilia em crime hediondo

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou, na quinta-feira (18), em votação simbólica, o Projeto de Lei (PL) que torna pedofilia crime hediondo. O deputado federal delegado Pablo (PSL-AM) foi um dos parlamentares que votou a favor da proposta. O PL segue agora para apreciação do plenário da Casa.

Anúncios

“Votei a favor do projeto que torna HEDIONDO o crime de PEDOFILIA. Entre outras ações importantes está a proibição de que pedófilos aproximem-se de escolas”, escreveu o parlamentar em sua rede social.

A proposta ainda inclui entre o rol de crimes considerados de extrema gravidade as práticas de aliciamento de menores e exposição, produção, venda, compra, armazenamento e publicação de material pornográfico envolvendo criança ou adolescente.

O PL propõe também o agravante da pena para o criminoso que atentar contra a dignidade sexual de menores, estabelece a obrigatoriedade do uso de tornozeleira eletrônica por infratores beneficiados com saída temporária ou prisão domiciliar e os impede de se aproximar de escolas.

Deixe um comentário