Deputado Roberto Cidade destaca papel das crianças no trânsito

Deputado Roberto Cidade destaca papel das crianças no trânsito

Deputado Roberto Cidade destaca papel das crianças no trânsito

As ações promovidas pelo Detran-Am durante o Maio Amarelo foram apresentadas pelo diretor-presidente Rodrigo de Sá, nesta terça-feira, 21, durante a Cessão de Tempo proposta pelo deputado estadual Roberto Cidade (PV), na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.

Anúncios

Na abertura da cessão, Cidade destacou que a conscientização e prevenção no trânsito são fundamentais para evitar acidentes e, com as ações voltadas para as crianças, a sensibilização pode contribuir ainda mais com a redução dos índices de acidentes. Atualmente, o Brasil é o quarto país do mundo no ranking de mortes no trânsito.

“Esse conhecimento compartilhado com as crianças se transformam em mudanças efetivas no comportamento dos pais e familiares. Quando um filho ou filha chama a atenção do pai, da mãe, do tio, para que coloque o cinto, para que não use o celular ao volante, desperta uma nova conduta no trânsito. Sem falar que ao crescer, essas crianças já terão uma postura diferente”, afirmou o deputado.

Segundo informações do Detran-Am, de janeiro a março deste ano, a Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai) da Secretaria de Segurança Pública, registrou 1.114 vítimas lesionadas por acidente de trânsito. Até abril, foram 92 vítimas fatais em todo o Estado.

Na capital, nos primeiros quatro meses do ano, foram registradas 65 mortes em acidentes de trânsito, o que representa uma redução de 13% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo levantamento feito pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans). As principais causas de acidentes com mortes são: excesso de velocidade, bebida e uso de celular no volante, respectivamente nessa ordem.

Além da campanha desenvolvida pelo Detran, Rodrigo de Sá destacou os avanços no atendimento à população por meio da implantação do sistema eletrônico de agendamento, a CNH e CRLV digitais, as blitzes realizadas com maior intensidade nos fins de semana e as ações que estão sendo realizadas no interior do Estado.

“Apesar do mês de maio ser dedicado para discutir os cuidados com o trânsito, as ações vão ser realizadas o ano todo. A maior causa de morte entre crianças e jovens de 5 a 29 anos são os acidentes de trânsito. No Brasil, são 40 mil mortos por ano, 250 mil sobrevivem, mas ficam com sequelas e, cerca de 3% do PIB são gastos com saúde por conta desses acidentes. No Amazonas, começamos a registrar reduções, mas ainda podemos fazer muito mais, principalmente se a sociedade se engajar neste trabalho”, concluiu Rodrigo de Sá.

Leia mais AQUI!

Deixe um comentário