Dona da Fametro descarta candidatura ao Senado: ‘se fosse para concorrer seria ao Executivo’

Dona da Fametro descarta candidatura ao Senado: ‘se fosse para concorrer seria ao Executivo’

Dona da Fametro descarta candidatura ao Senado: ‘se fosse para concorrer seria ao Executivo’

Anúncios

Após especulações de que estaria se articulando para concorrer ao Senado nas eleições de 2022, Maria do Carmo Seffair, proprietária da faculdade Fametro, descartou a possibilidade. Ao Direto ao Ponto ele disse que se um dia ingressar na carreira política será candidata a um cargo no Executivo.

“Se eu tivesse que concorrer a algum cargo seria ao Executivo, por que não tenho vocação para o legislativo”, disse.

“Os nossos políticos ainda têm uma visão que não coaduna com o objetivo do cargo que eles ocupam. Isso não é crítica, não. É que simplesmente nós somos ainda muito primários. O Brasil ainda é politicamente muito imaturo num modo geral. No Executivo é diferente, aquilo que você pode fazer você executa. Então ao Senado, eu descarto essa possibilidade”, completou Seffair.

Convites

Maria do Carmo Seffair contou, também, que dialoga com alguns partidos – sem citar quais – e que recebeu convites para concorrer às eleições 2022, porém afirmou que não pensa em filiações. Além disso, contou ainda que houve convite da parte de candidatos já lançados ao Senado para que ela seja suplente. A possibilidade também foi descartada.

“Alguns partidos me convidaram sim, inclusive, nem penso em me filiar. São apenas diálogos. É que é tanto trabalho, estou escrevendo minha tese do mestrado. Estamos com esse desafio que é o Tropical Hotel. E eu fico pensando muito sabe, largar tanto trabalho para ir para política? Não sei se eu gosto dessa ideia. Mas o Senado está descartado, inclusive, fui convidada para ser suplente nas eleições 2022”, finalizou a reitora.

Deixe um comentário