Eduardo Braga diz que ampliação de escopo da CPI da Covid é “narrativa política”

Eduardo Braga diz que ampliação de escopo da CPI da Covid é “narrativa política”

Eduardo Braga diz que ampliação de escopo da CPI da Covid é “narrativa política”

O líder do MDB no Senado, Eduardo Braga, disse a O Antagonista que toda CPI pode investigar “fatos conexos” ao seu pedido inicial.

Anúncios

Braga, que já havia assinado a CPI proposta por Randolfe Rodrigues (Rede), assinou também a CPI que alcança a conduta de governadores e prefeitos em meio à pandemia da Covid, mas ponderou que a inclusão de estados e municípios é “muito mais uma narrativa política”.

“Veja só: os recursos aplicados pelos estados e municípios na pandemia têm origem onde? No governo federal. Os fatos conexos já estariam, de qualquer forma, sendo investigados na CPI. Isso é muito mais uma narrativa política. Na narrativa política, se estende a estados e municípios, mas isso não significa dizer que é uma segunda CPI.”

Braga também assinou o requerimento do senador Alessandro Vieira (Cidadania) sugerindo inclusão de estados e municípios na proposta inicial de CPI da Covid.

O emedebista acrescentou que, naturalmente, fatos envolvendo governadores e prefeitos surgirão na comissão a ser instalada no Senado, mas defendeu que não sejam incluídos no bojo das investigações, na largada, todos os estados e municípios.

“Porque, sendo assim, vai virar um festival de CPI e não vamos a lugar algum. Quem tem muitas prioridades não tem nenhuma. É manso e pacífico em qualquer CPI que todo fato que tenha conexão pode ser estendido e investigado.”

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário