Escolas estaduais estão sendo reabastecidas com 1,2 mil toneladas de merenda

Escolas estaduais estão sendo reabastecidas com 1,2 mil toneladas de merenda

Escolas estaduais estão sendo reabastecidas com 1,2 mil toneladas de merenda

 

O Governo do Amazonas iniciou a distribuição da terceira remessa de itens alimentícios para compor a merenda escolar do ano letivo 2019. A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM) vai enviar cerca de 1,2 mil toneladas de alimentos para as escolas estaduais dos 62 municípios do estado, segundo o secretário de Estado de Educação, Luiz Castro.

Anúncios

Na última sexta-feira (21/06), Luiz Castro esteve na Central de Distribuição da Seduc-AM, onde acompanhou o embarque e organização para distribuição dos alimentos com a deputada estadual e presidente da Comissão Especial de Educação da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Therezinha Ruiz.

Segundo o secretário Luiz Castro,  o envio adiantado é uma estratégia logística da Seduc-AM, que já mantém a Central abastecida com 80% dos 39 itens que compõem a alimentação escolar. “Quando nós assumimos, os depósitos estavam pouco abastecidos. Tinha apenas 20% do que deveria ter. Fizemos uma força-tarefa, que inclui principalmente cobrar aos fornecedores aquilo que ficou acertado por contrato”, explicou à deputada.

Além de Manaus e dos municípios do entorno, a distribuição inclui as cidades localizadas nas oito calhas de rios do Amazonas. “Estamos testando uma nova forma de distribuição, que tem como objetivo diminuir a demora. Vamos aguardar os resultados para avaliar se houve melhora”, destacou Luiz Castro.

O trabalho é realizado pelo Departamento de Logística (Delog). As calhas do Purus e Juruá são as que têm os municípios mais distantes, podendo a viagem durar até 50 dias. As escolas de maior distância recebem recursos para fazer a compra direta dos itens em caso de atraso segundo o secretário adjunto executivo de Gestão da Seduc-AM,  Rômulo Zurra. “Nossa meta é reduzir ao máximo o atraso, por isso já iniciamos o envio e estamos fazendo testes. Existem fatores externos que podem atrapalhar e estamos levando isso em consideração”, afirmou.

Comissão de Educação

Para a deputada Therezinha Ruiz, que foi convidada pelo secretário Luiz Castro a fiscalizar e acompanhar o trabalho na Central de Distribuição, as melhorias no serviço são importantes para a rede pública estadual. “Enquanto presidente da Comissão de Educação, fico satisfeita com o que vi. As portas estão abertas para nós fazermos nosso trabalho de fiscalizar e o trabalho está sendo feito”, afirmou.

Therezinha afirmou que pretende retornar até a Central com o objetivo de acompanhar o trabalho mais de perto. “Nós queremos conhecer tudo o que está sendo feito pela secretaria para melhorar a qualidade do ensino. Nós sabemos que a merenda é fundamental para os estudantes, que muitas vezes só fazem a refeição que é dada na escola”, ressaltou a deputada.

 

Deixe um comentário