‘Esse é o início das transformações das obras físicas das nossas escolas’, diz David Almeida ao inaugurar escola

‘Esse é o início das transformações das obras físicas das nossas escolas’, diz David Almeida ao inaugurar escola

‘Esse é o início das transformações das obras físicas das nossas escolas’, diz David Almeida ao inaugurar escola

Com capacidade para atender 1.200 alunos, o prefeito David Almeida inaugurou nesta sexta-feira, (28), a escola municipal Magnólia Frota, localizada no conjunto Renato Souza Pinto, zona Norte. É a primeira unidade de ensino entregue nesta gestão; e o prefeito garantiu uma grande mudança na educação de Manaus.  “Esse é o início das transformações das obras físicas das nossas escolas, para que a gente possa galgar maiores degraus nos níveis de educação e para isso precisamos dar condições melhores para os nossos alunos e professores”, garantiu.

Anúncios

A unidade de ensino, que vai atender educação infantil e ensino fundamental anos iniciais e anos finais, foi construída do zero e atende os critérios básicos de funcionamento das atividades de ensino e aprendizagem.

“Temos um grande desafio pela frente, que é transformar a cidade de Manaus no setor da saúde, educação, infraestrutura, turismo, em todos os aspectos, inclusive na cultura. Pretendo que as fanfarras e bandas sejam reativadas e quero fazer com que a juventude possa se envolver na comunidade, e isso só é possível com muito trabalho”, disse o prefeito.

 De acordo com o secretário municipal de Educação, Pauderney Avelino, a escola vai atender a necessidade de várias crianças e adolescentes da zona Norte da cidade. “Nós estamos muito felizes, porque as ações da Prefeitura de Manaus e da Semed estão indo ao encontro das necessidades da população e com isso estamos entregando um prédio novo, que vai atender mais de mil alunos dessa zona da cidade”, afirmou Pauderney.

Agradecimentos

O gestor da unidade, Leandro Silva, agradeceu à Prefeitura de Manaus pelo compromisso imenso com a educação na capital amazonense.

“Eu sou o representante dessa comunidade escolar e aqui quero agradecer o trabalho do prefeito David e do secretário Pauderney, que tratam a educação com excelência. Temos uma gestão franca e aberta para opiniões e sugestões. Essa escola atenderá todos os alunos com muita qualidade, não educando apenas por conhecimento, mas com emoção do ser humano”, declarou Silva.

Para a dona de casa Marivete Vieira Calixto, mãe dos alunos Yan, 4, do 1º período; e Yasmim Calixto, 6, do 1º ano do ensino fundamental, a escola é um grande presente. “Essa escola é uma maravilha, meus filhos estudavam longe e agora vão estudar perto de casa em uma escola bonita, e daqui eles só saem quando entrarem no ensino médio”, disse.

Obra

A obra durou aproximadamente um ano e custou R$ 8.183.538,13 (oito milhões, cento e oitenta e três mil, quinhentos e trinta e oito reais e treze centavos). Foram construídas 20 salas, uma quadra poliesportiva, salas administrativas, refeitório, depósitos, estação de tratamento de esgoto, poço artesiano, banheiros, além de plataforma elevatória de acessibilidade.

A unidade faz parte do pacote de reforma da prefeitura com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e custou aproximadamente R$ 16 milhões, da qual a execução é de responsabilidade do Projeto de Expansão e Melhoria Educacional (Proemem), da Semed.

O pacote de obras de compromisso do Proemem é entregar 11 unidades de ensino, dos quais já foram entregues quatro Centros Integrados Municipal de Educação (Cime). A previsão é de que,  em julho, mais uma escola seja entregue. No mesmo mês devem iniciar a construção de mais duas unidades. E para finalizar o pacote, no início de 2022 se inicia a construção das duas escolas restantes.

Deixe um comentário