Estado recebe 70 mil metros cúbicos de oxigênio vindos de Belém

Estado recebe 70 mil metros cúbicos de oxigênio vindos de Belém

Estado recebe 70 mil metros cúbicos de oxigênio vindos de Belém

O governador Wilson Lima acompanhou, na madrugada deste sábado (16), a chegada de 70 mil metros cúbicos de oxigênio, por meio de balsas, oriundos da cidade de Belém (PA). Essa nova remessa vai garantir a retomada do equilíbrio do abastecimento da rede de saúde do estado para os próximos dias e já começou a ser distribuída nas unidades de saúde. O insumo é uma aquisição do Estado por meio da fornecedora White Martins.

Anúncios

“Recebemos nesta madrugada essa carga de 70 mil metros cúbicos da maior fornecedora de oxigênio do Estado (White Martins), e começamos a restabelecer a normalidade da nossa rede estadual de saúde. Algumas dessas carretas já saíram daqui direto para as unidades para fazer esse abastecimento”, disse o governador Wilson Lima.

Os trabalhos dessa força-tarefa seguirão pelos próximos dias, com a chegada de novas remessas de oxigênio. Todo esforço está sendo feito para garantir que as unidades de saúde operem sem dificuldades. “Vamos continuar trabalhando com todos os parceiros e amazonenses para que possamos restabelecer o atendimento e o abastecimento da nossa rede hospitalar, garantindo que as pessoas acometidas por Covid-19 possam ser atendidas”, destacou o governador Wilson Lima.

Wilson Lima ressaltou, ainda, o trabalho do Comitê de Resposta Rápida – Enfrentamento da Covid-19, composto pelos Governos do Estado, Federal e Municipal. A nova remessa, que restabelecerá o abastecimento pelos próximos dias, é fruto dos esforços que vêm sendo realizados desde a semana passada para que não falte oxigênio nas unidades de saúde.  “Nossas equipes estiveram trabalhando praticamente 24 horas com o governo federal, governo municipal e as equipes do interior, do Sirio Libanês, da iniciativa privada. Isso é resultado do esforço em conjunto do povo brasileiro e dos cidadãos amazonenses”, disse.

Deixe um comentário