‘Estarei na Paulista dia 12 para defender o direito de me atacarem democraticamente’, diz Marcelo Ramos

‘Estarei na Paulista dia 12 para defender o direito de me atacarem democraticamente’, diz Marcelo Ramos

‘Estarei na Paulista dia 12 para defender o direito de me atacarem democraticamente’, diz Marcelo Ramos

O vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL), justificou nesta sexta-feira (10) em rede social, sua participação nos protestos do domingo (12) e pediu adesão da esquerda e até do PT.

Anúncios

“Já fui atacado pelo MBL e estarei na Paulista dia 12. Para defender o direito deles de me atacarem democraticamente”, escreveu o parlamentar.

Ramos ainda acrescentou que sem democracia não temos nada.

“Apelo aos partidos de esquerda, em especial ao PT, que unifique o ato. Democracia, vacina, emprego e comida não é ‘da esquerda nem da direita, é da humanidade’. Sem Democracia não temos nada. Com democracia, temos até o direito de disputar opinião com o MBL ou com o PT! O Brasil unido por DEMOCRACIA, VACINA, EMPREGO E COMIDA”, finalizou.

Deixe um comentário