Você está visualizando atualmente Fausto Santos Júnior critica declaração da Ministra do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas Marina Silva na CPI das ONGs

Fausto Santos Júnior critica declaração da Ministra do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas Marina Silva na CPI das ONGs

Fausto Santos Júnior critica declaração da Ministra do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas Marina Silva na CPI das ONGs

O deputado federal Fausto Santos Júnior (União-AM) manifestou sua posição em relação recentes declaração da Ministra do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas, Marina Silva, durante sua participação na CPI das ONGs.

A ministra, em suas palavras, abordou o tema da recuperação da BR-319, demonstrando mais uma vez seu posicionamento contrário. O parlamentar expressou sua preocupação diante da postura da ministra, especialmente ao adicionar um tom de deboche ao referir-se à população de “passear de carro”.

É fundamental ressaltar que a BR-319 é uma via de extrema importância social para a região, contribuindo diretamente para o desenvolvimento econômico, a integração regional e o acesso a serviços essenciais. O deputado destaca a necessidade de se considerar os impactos positivos que a recuperação desta rodovia pode trazer para a comunidade local. “Mais uma vez, a ministra Marina Silva demonstra publicamente seu posicionamento contrário à manutenção da BR-319. Desta vez, acrescenta um tom de deboche ao se referir ao nosso desejo de “passear de carro”. Além disso, embora reconheça a necessidade social, a ministra coloca a viabilidade ambiental como mais importante em sua visão, minimizando a importância da parte social”, disse o parlamentar amazonense que é presidente da Frente Parlamentar em Defesa da BR-319.

A Frente, presidida por Fausto Santos Júnior, permanece aberta ao diálogo construtivo, visando encontrar soluções que conciliem os interesses ambientais e sociais. O deputado reafirma seu compromisso com a defesa dos direitos e necessidades da população que representa.

“Tenham certeza que iremos persistir, custe o que custar. Seja através da Frente Parlamentar em Defesa da BR-319, seja através das bancadas federais dos estados que compõem a BR-319, seja nas ruas com a população envolvida”, reforça o parlamentar.

Deixe um comentário