Você está visualizando atualmente Governo do AM é avaliado como Nível Elevado em ranking dos órgãos de contas do Estado

Governo do AM é avaliado como Nível Elevado em ranking dos órgãos de contas do Estado

Governo do AM é avaliado como Nível Elevado em ranking dos órgãos de contas do Estado

Os órgãos de contas do estado do Amazonas, Ministério Público de Contas (MPC-AM) e Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), divulgaram um ranking de controle interno onde mostram que o governo do Amazonas, aparece avaliado como nível elevado. Demonstrando que há compromisso por parte do Executivo Estadual com as demandas legais, combatendo irregularidades na gestão pública do Estado.

O Primeiro Ranking de Controle Interno foi divulgado ontem (18) pelo MPC-AM. Além do Governo do Estado, também foram avaliados Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), TCE-AM, Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Ministério Público do Estado (MPE-AM), Defensoria Pública do Amazonas (DPE-AM), além de prefeituras e câmaras de vereadores do Amazonas para diagnosticar o grau de eficiência no combate às irregularidades nos órgãos públicos. A avaliação teve três classificações: Deficiente, Mediano e Elevado.

No âmbito estadual, a Controladoria-Geral do Estado (CGE) é órgão responsável pela coordenação da Política de Controle Interno e de Transparência do Poder Executivo Estadual. Para o controlador-geral do Estado, Otávio Gomes, o resultado da avaliação reforça o compromisso que o governador do Estado, Wilson Lima, e o vice-governador, Carlos Almeida, têm com a transparência das informações e da gestão pública com o cidadão amazonense.

“O resultado deste ranking ratifica o compromisso, o trabalho e o esforço adotados por essa nova administração na busca da eficiência dos serviços oferecidos à população fazendo sempre as coisas corretas e de forma transparente, gerando o melhor controle dos gastos públicos”, disse o controlador.

Para a subcontroladora-geral de controle interno, Lúcia Magalhães, a classificação positiva no ranking divulgado pelo MPC é o retorno dos trabalhos desenvolvidos ao longo do ano junto aos órgãos e entidades do estado com foco no aperfeiçoamento dos mecanismos de controle no Amazonas.

“É um retorno de todo o esforço dedicado em 2019 pela CGE, que é o órgão de controle da esfera estadual, com o intuito de aperfeiçoar os mecanismos de transparência, de publicidade da aplicação dos recursos, da prestação do serviço à sociedade. Demonstra de fato que o Estado cumpre as demandas legais e principalmente as demandas do TCE-AM”.

Deixe um comentário