You are currently viewing Governo do Amazonas recomenda desobrigação do uso de máscaras em espaços abertos

Governo do Amazonas recomenda desobrigação do uso de máscaras em espaços abertos

Governo do Amazonas recomenda desobrigação do uso de máscaras em espaços abertos

O Comitê Intersetorial de Enfrentamento da Covid-19 do Governo do Estado, em reunião nesta sexta-feira (11), decidiu recomendar às prefeituras do Amazonas que autorizem a desobrigação do uso de máscaras em locais abertos. A orientação leva em conta os índices epidemiológicos, que registram queda em internações e de número de infectados e óbitos pela doença no estado.

Anúncios

O decreto com a recomendação será assinado hoje pelo governador Wilson Lima e entra em vigor assim que publicado no Diário Oficial do Estado (DOE). O comitê também recomendou que pessoas acima de 60 anos mantenham o uso de máscaras. Pessoas nessa faixa de idade são maioria entre internados com casos de Covid-19 mais graves. Em 20 dias, o grupo irá avaliar a possibilidade de desobrigar o uso de máscara também em locais fechados.

“É importante que as pessoas usem esse momento de forma responsável e também com prudência, nós não podemos colocar aquilo que a gente conquistou a perder, nós não podemos retroceder, cada um tem que fazer a sua parte. Se, em algum momento, a gente observar uma mudança no quadro, aumento de internações, aumento de óbitos, a gente não tem a menor dúvida da decisão que a gente tem que tomar, que é retroceder com as flexibilizações”, frisou o governador.

As decisões do comitê também foram discutidas, após o encontro do grupo no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), em reunião virtual com representantes dos poderes judiciário e legislativo e de órgãos de controle.

Eventos

O comitê definiu, também, que eventos estão liberados sem restrição de horário e de ocupação, inclusive eventos esportivos em estádios. A recomendação é que o público esteja com o esquema vacinal atualizado. Eventos em espaços públicos do Estado, como Sambódromo, Arena da Amazônia e Centro de Convenções Vasco Vasques, podem passar pela avaliação do comitê.

Vigilância e assistência

Diante da redução de casos, óbitos e internações, o estado do Amazonas retornou à fase amarela, de baixo risco para transmissão do novo coronavírus.

Em todo estado, foram confirmados 3.316 casos da Covid-19 nos primeiros dez dias de março, uma queda de mais de 87% com relação a igual período de fevereiro. De 1º a 10 de março foram registradas 25 internações e três óbitos em todo estado, seguindo trajetória de queda.

A redução de internações em leitos clínicos e de UTI por Covid-19 é de 90%. No interior, não há pacientes internados nas Unidades de Cuidados Intermediários (UCIs), há 12 internações em leitos clínicos e 52 municípios sem nenhuma internação, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM).

Hoje, a cobertura vacinal no Amazonas está em 80,9% com segunda dose e 33,7% com o esquema vacinal com dose de reforço, considerando a população elegível para vacinação. Quanto mais pessoas vacinadas, menor é a circulação do vírus, aponta a Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP).

Show da vacinação

Como parte da estratégia do Governo do Estado para ampliar a cobertura vacinal, será realizado, neste sábado (12/03), em parceria com a Prefeitura de Manaus, o Show de Vacinação, com oferta de doses da vacina contra a Covid-19 em sete casas de show da capital, onde também haverá apresentação de 50 atrações que vão se dividir nos espaços. Haverá pagode, forró, boi-bumbá, sertanejo e arrocha. A ação será das 9h às 16h.

O público terá à disposição as 1ª e 2ª doses para pessoas a partir de 12 anos, além da dose de reforço. Cada pessoa acima de 18 anos que se vacinar vai receber ainda um par de ingressos para o evento “Show da Vacinação”, que acontece a partir das 16h, após o encerramento da vacinação. Somente pessoas vacinadas poderão participar dos shows. A exceção será o Studio 5, que realizará um evento em dia posterior. O ingresso é válido para todos os espaços parceiros do evento e somente os vacinados podem participar dos shows.

Deixe um comentário