Você está visualizando atualmente Gratuitidade no transporte coletivo nas eleições está garantida

Gratuitidade no transporte coletivo nas eleições está garantida

Gratuitidade no transporte coletivo nas eleições está garantida

A Câmara Municipal de Manaus (CMM), aprovou nesta segunda-feira (09), o projeto de lei Nº 333/2020, capeada pela mensagem do Executivo nº 052/2020, que permite à Prefeitura de Manaus disponibilizar a gratuidade das tarifas do transporte coletivo nas eleições municipais deste ano, que ocorrerão domingo (15). O projeto segue à sanção do Executivo municipal.

Antes da suspensão de 30 minutos da sessão plenária pelo presidente da casa, vereador Joelson Silva (Patriota), os vereadores Bessa (Solidariedade) e Claudio Proença (PMN) questionaram a gratuidade da tarifa nos micro ônibus alternativos, que também possuem o sistema de bilhetagem eletrônica.

“Todas as eleições, o transporte alternativo para, porque o convencional ele é gratuito e o transporte alternativo mantém seus carros na garagem e sempre se prejudica o pleito”, relata Proença que já adiantou ter articulado com secretário Carijó para a solução do caso.

“Eu só queria alertar que nós precisamos da casa. A casa precisa incluir o transporte alternativo também nessa gratuidade”, disse Bessa.

Em resposta, Marcel Alexandre (Podemos) destacou que tanto o transporte coletivo como o alternativo estão incluídos na gratuidade dos passageiros. “Mas se o plenário acha que precisa, já tá na lei, nós votamos aqui que eles fazem parte do sistema”, explica.

“É uma discussão que cabe à CCJ, uma discussão legal, leva pra CCJ e lá vocês avaliem. Se houver alguma questão de parâmetro legal e houver necessidade da inclusão, acho que se discute lá e a gente vota aqui”, sugere Joelson pedindo também uma interlocução com o Executivo para evitar questionamentos.

Após a reunião das comissões de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), Finanças, Economia e Orçamento (CFEO) e Transporte, Mobilidade Urbana e Acessibilidade (COMTMUA), os pareceres foram aprovados por unanimidade pelos vereadores, sendo encerrada a sessão logo em seguida.

Deixe um comentário