Você está visualizando atualmente Gustavo Sotero é condenado em 30 anos por homicídio qualificado de Wilson Justo

Gustavo Sotero é condenado em 30 anos por homicídio qualificado de Wilson Justo

O Delegado da Polícia Civil Gustavo de Castro Sotero, foi condenado nesta sexta-feira (29) na 1ª Vara do Tribunal da Comarca de Manaus. O delegado foi condenado pelo juri popular, por ter matado a tiros o advogado Wilson Justo Filho, no dia 25 de novembro de 2017, em uma casa noturna, na zona oeste da cidade.

Sotero foi condenado a 30 anos de prisão em regime fechado.

Por conta da condenação, o juiz também determinou a perda da função pública.

Deixe um comentário