You are currently viewing Henrique Oliveira se filia ao Podemos para concorrer ao Governo do Amazonas

Henrique Oliveira se filia ao Podemos para concorrer ao Governo do Amazonas

Henrique Oliveira se filia ao Podemos para concorrer ao Governo do Amazonas

Anúncios

O ex-deputado federal e ex-vice-governador do Amazonas, Henrique Oliveira, confirmou a pré-candidatura ao Governo do Estado nesta sexta-feira, 1º, pelo Podemos. Oliveira assume a presidência do partido que antes era comandado pelo deputado estadual Abdala Fraxe.

“Eu estava no Pros, que teve uma intervenção a nível nacional. Houve uma mudança nos diretórios estaduais e pelas boas relações que eu tenho como ex-deputado federal, eu já fui do PTN, que é o atual Podemos, eu recorri. O Abdala tinha saído, o partido ficou meio solto aqui e eu consegui a presidência com a intenção de fortalecer o partido nesses próximos meses; e sou pré-candidato ao governo do Estado”, declarou Henrique Oliveira à Revista Cenarium.

Segundo o pré-candidato, ainda não há uma data definida para o lançamento oficial da pré-candidatura. “Meu ingresso ao Podemos é exatamente para o lançamento da pré-candidatura ao governo. Eu vou fazer uma reunião com os correligionários e a gente vai marcar uma solenidade”, destacou.

Histórico

Henrique Oliveira é jornalista e, em 2008, foi eleito o vereador mais votado de Manaus. Em 2010, conquistou uma cadeira na Câmara Federal com mais de 86 mil votos. Também já foi candidato à Prefeitura de Manaus e, em 2014, foi eleito vice-governador do Amazonas.

Comandado por figuras conhecidas

O Podemos já foi comandado por figuras como Amazonino Mendes e Wilker Barreto. Amazonino comandou o Podemos desde o dia 20 de março de 2020, quando entrou na legenda para disputar a eleição de 2020 para a Prefeitura de Manaus, na qual saiu derrotado. Dois anos antes, Mendes também não teve êxito no pleito estadual e perdeu para o governador do Amazonas Wilson Lima (PSC).

Antes de Mendes, quem comandava a sigla era o deputado estadual Wilker Barreto, que após se desfiliar do Podemos, em dezembro do ano passado, o ex-vice na chapa de Amazonino Mendes expôs um possível ‘racha’ entre os até então aliados.

Durante uma sessão na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Barreto disse não estar preocupado com o ex-governador que perdeu as eleições para o Governo do Amazonas nas últimas eleições.

A fala de Barreto foi proferida durante uma discussão, dentro da Casa Legislativa, com o deputado delegado Péricles. O possível ‘descontentamento’ de Wilker, em relação ao aliado, foi evidenciado quando Péricles afirmou que “nem Amazonino o queria mais por perto”. Em resposta, Wilker surpreendeu a todos ao rebater, aos gritos, com a seguinte frase: “Eu lá estou preocupado com Amazonino, rapaz!”.

Na última eleição, Amazonino teve Wilker como candidato a vice, mas perdeu para o atual prefeito de Manaus. À época, a indicação do nome de Wilker para vice gerou descontentamento em Amazonino, que acatou a dobradinha após imposição de Barreto, presidente do Podemos naquele momento.

*Com informações Revista Cenarium

Deixe um comentário