Você está visualizando atualmente Imunização | Amazonas apresenta baixas coberturas vacinais e população é convocada a atualizar caderneta vacinal

Imunização | Amazonas apresenta baixas coberturas vacinais e população é convocada a atualizar caderneta vacinal

Imunização | Amazonas apresenta baixas coberturas vacinais e população é convocada a atualizar caderneta vacinal

No Dia Nacional da Imunização, nesta sexta-feira (09), a população está sendo convocada a atualizar a caderneta vacinal. Dados consolidados pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), vinculada à Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), alertam para as baixas coberturas vacinais e fazem chamamento para a atualização da situação vacinal.

Para análise de cobertura vacinal em menores de 2 anos, são consideradas coberturas do ano inteiro. No Amazonas, em 2022, foram atingidas as seguintes coberturas vacinais: BCG (100%), Rotavírus (71,5%), Hepatite B (78,6%), Pneumo 10 (86,7%), Mening C (80,4%), Penta (78,6%), Polio (77,4%), Tríplice Viral D1 (78,9%), Tríplice Viral D2 (48,7%), Tetra Viral (12,6%), Hepatite A (71,4%), Varicela (60,4%) e Febre Amarela (62,1%).

As coberturas estão aquém da meta orientada como satisfatória pelo Ministério da Saúde. Os parâmetros de cobertura vacinal são 90% para BCG e Rotavírus, 95% para Hepatite B, Pneumo 10, Mening C, Penta, Tríplice Viral, Tetra Viral, Polio, Varicela e Hepatite A, e 100% para Febre Amarela.

“Embora a vacinação contra doenças seja uma medida fundamental para a prevenção e controle de doenças, o Amazonas enfrenta desafios significativos na ampliação das coberturas vacinais. Essa é uma realidade de outros estados também. Por isso, alertamos a toda a população que busque os postos de vacinação e atualize a caderneta vacinal”, destaca Tatyana Amorim, diretora-presidente da FVS-RCP.

Angela Desirée, gerente de Imunização do Amazonas, na FVS-RCP, destaca que os dados recentes apontam uma baixa adesão às vacinas, o que coloca em risco a saúde pública e a proteção individual contra doenças preveníveis por imunização. Pela FVS-RCP, há um cronograma de visitas técnicas que são desenvolvidas para dar suporte técnico às Secretarias Municipais de Saúde, que são as responsáveis pela operacionalização das vacinações nos municípios.

“Os esforços para ampliar as coberturas vacinais seguem sendo intensificados. Todos os 62 municípios dispõem de estoque abastecido para atender a demanda. Lembramos sempre que vacinar é um ato de amor e uma estratégia para proteger a si mesmo e aos outros”, ressalta a gerente de Imunização do Amazonas.

Como medida de fortalecimento das ações para a ampliação de cobertura vacinal no Amazonas, a FVS-RCP cumpre programação de visitas técnicas aos municípios do Estado, com treinamentos e ações de suporte técnico para profissionais de saúde das Secretarias Municipais de Saúde.

De janeiro a maio de 2023, as equipes técnicas da coordenação estadual do Programa Nacional de Imunização (PNI), pela FVS-RCP, estiveram em Ipixuna, Pauini, Boca do Acre, Iranduba, Maraã, Jutaí, Juruá e Fonte Boa.

Nesses municípios, foram realizados treinamentos para fortalecer as ações de ampliação de cobertura vacinal de doenças imunopreveníveis, com destaque para poliomielite, Covid-19 e influenza.

Os treinamentos realizados para os profissionais de saúde dos municípios abordam a atualização vacinal, busca ativa e estratégia de vacinação, incluindo acolhimento e triagem, fluxo e supervisão em sala de vacina e na rede de frio, onde são armazenados os imunizantes nos municípios.

A FVS-RCP faz um apelo à população para que busque informações confiáveis, consulte as equipes de profissionais de saúde e mantenha a caderneta vacinal atualizada.

Deixe um comentário