Justiça determina leilão de unidades da Ulbra em Manaus e todo Brasil

Justiça determina leilão de unidades da Ulbra em Manaus e todo Brasil

A 3ª Vara do Trabalho de Canoas, Rio Grande do Sul, publicou nesta sexta-feira, 16, edital de leilão de seis instituições da Associação Educacional Luterana do Brasil (Aelbra), mantenedora da Universidade Luterana no Brasil (Ulbra), nas regiões Norte e Centro-Oeste do país, avaliadas em mais de R$ 1,2 bilhão. O leilão será no dia 16 de março, às 14h.

A decisão desta sexta-feira decorreu do ato preparatório, definido em agosto do ano passado, quando a 3ª. Vara do Trabalho de Canoas determinou a avaliação institucional para obter “a verdadeira radiografia patrimonial da instituição de ensino” e buscar uma solução definitiva para resolver o volumoso passivo trabalhista, estimado em cerca de R$ 300 milhões somente no Rio Grande do Sul. A avaliação de todos os ativos da mantenedora Aelbra juntada aos autos soma um valor total de R$ 4,5 bilhões.

Campi que serão leiloados

  • Centro Universitário de Manaus, avaliado em R$ 150,6 milhões;
  • Centro Universitário Luterano Ji-Paraná (Ceulji), avaliado em R$ 175, 3 milhões;
  • Centro Universitário Luterano de Santarém, avaliado em R$ 132 milhões;
  • Centro Universitário de Palmas, avaliado em R$ 589,7 milhões;
  • Instituto de Ensino Superior de Itumbiara, avaliado em R$ 161,5 milhões;
  • Instituto Luterano de Ensino Superior de Porto Velho (Iles), avaliado em R$ 75,9 milhões.

Deixe um comentário