You are currently viewing Justiça reconhece que Elisabeth Valeiko não teve envolvimento na morte de engenheiro e decide restituir seus bens

Justiça reconhece que Elisabeth Valeiko não teve envolvimento na morte de engenheiro e decide restituir seus bens

Justiça reconhece que Elisabeth Valeiko não teve envolvimento na morte de engenheiro e decide restituir seus bens

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM)  recomendou à Justiça que restitua à ex-primeira dama Elizabeth Valeiko Ribeiro o seu celular e as quantia de R$ 6.640,00 e 100 dólares que foram retidos durante a apuração das investigações envolvendo a morte do engenheiro Flavio Rodrigues dos Santos, 41, ocorrida em agosto de 2019.

Anúncios

No parecer, do Promotor de Justiça, Marcelo de Salles Martins, ele reconhece que não há envolvimento da ex-primeira dama de Manaus que, “sequer configura como ré, nos autos do processo que apura a morte de Flávio”.

O engenheiro foi morto em uma casa do condomínio Passaredo, no bairro Tarumã, em circunstâncias que apontaram para o possível envolvimento de Alessandro Valeiko, filho de Elisabeth, que era o locatário do imóvel. Ele chegou a ser preso, mas foi solto depois que Mayc Vinicius Teixeira Parede confessou ter sido o autor do crime.

Confira a decisão

parecer restituicao bens elisabeth

Deixe um comentário