Você está visualizando atualmente Mais de 10 bairros de Manaus recebem obras de gás natural no segundo semestre

Mais de 10 bairros de Manaus recebem obras de gás natural no segundo semestre

Mais de 10 bairros de Manaus recebem obras de gás natural no segundo semestre

Mais de 10 bairros de Manaus vão recebe obras de gás natural (GN) neste segundo semestre. A Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) divulgou as localidades. Veja a lista.

A meta é ultrapassar 270 quilômetros de rede de distribuição, até o fim do ano. Até lá, a Cigás quer fornecer gás natural para 16,2 mil unidades consumidoras, entre residências e imóveis comerciais.

As obras abrangem todas as zonas, e vão ser executadas em 14 bairros de Manaus.

Confira a lista dos locais:

Zonas Norte

  • Colônia Terra Nova
  • Santa Etelvina

Zona Oeste

  • Tarumã
  • Santo Agostinho
  • Ponta Negra

Zona Centro-Sul

  • Flores
  • Aleixo
  • Nossa Senhora das Graças
  • São Geraldo
  • Parque 10 de Novembro

Zona Sul

  • Distrito Industrial

Zona Leste

  • Coroado
  • Distrito Industrial 2
  • Mauazinho

A Cigás, concessionária de distribuição e comercialização de gás natural, informou que investiu R$ 45,1 milhões nas obras da rede de fornecimento do GN.

Rede de distribuição

As instalações da rede de distribuição serão feitas por meio do método não-destrutivo, segundo a Cigás.

A técnica usada para construção de infraestrutura subterrânea de gasodutos compreende a abertura de “janelas” no piso asfáltico. “Onde é feito um furo direcional com uma máquina do tipo perfuratriz, eliminando a necessidade de grandes escavações”, explicou a companhia.

A infraestrutura será composta de tubulações de aço e de polietileno de alta densidade – a depender do nível de consumo e natureza dos usuários da área.

De acordo com a Cigás, geralmente, o trabalho é executado à noite. “O horário das obras é diferenciado, geralmente, das 22h às 5h da manhã, a fim de evitar impacto à mobilidade urbana da cidade”, disse a companhia.

A projeção é, até 2027, chegar a 427 quilômetros de rede de distribuição e superar a marca de 28 mil usuários de gás natural.

Fonte: G2 Amazonas

Deixe um comentário