Você está visualizando atualmente “Manaus completa 349 anos, mas não tem governante”, diz José Ricardo

“Manaus completa 349 anos, mas não tem governante”, diz José Ricardo

Nesta quarta-feira (24), a cidade de Manaus completa 349 anos. E o deputado José Ricardo (PT) aproveitou o Pequeno Expediente para cobrar que os governantes cuidem do Município. “Parabenizo todos os moradores da cidade, que aqui nasceram ou que a escolheram para morar e para ajudar no seu desenvolvimento. Mas é uma pena que aqui não tenhamos governante”, disparou.

Ele justificou a afirmativa pelo fato de Manaus não ter um projeto habitacional, onde a população, principalmente a mais pobre, tenha acesso a financiamentos, a baixo custo, de casas ou de lotes de terras; de não ter um transporte coletivo com qualidade e preço justo; de não ser arborizada, apesar de estar no meio da Floresta Amazônica; e de se encontrar com baixos indicadores de saneamento básico, refletindo na qualidade de vida do seu povo.

“Nos últimos anos, essa cidade não teve prefeito. Teve sim políticos que sempre se preocuparam em defender seus interesses e que não priorizaram áreas consideradas fundamentais para a maioria da população. Apesar dessa lamentável realidade, o povo manauense segue firme e trabalhando em prol do seu Município”, afirmou o parlamentar.

Nessa mesma linha, esse também cobrou que com ou sem eleição o Estado tem que ter governador atuando em defesa da população. E citou portaria 3.392 do Ministério da Saúde, publicada no Diário Oficial da União (DOU) da última segunda-feira (22), que determinou a suspensão de repasses de recursos federais para sete Unidades de Pronto Atendimento (UPA) 24h de seis estados, sendo uma delas a UPA Campos Sales, de Manaus. Essa unidade deixará de receber R$ 3,9 milhões que seriam destinados a custeio e qualificação da unidade. “Vamos cobrar a responsabilidade do Governo sobre essa Portaria. São quase R$ 4 milhões que deixarão de vir para o Amazonas, que sofre com falta de muitos serviços, principalmente, na saúde pública”.

Deixe um comentário