Você está visualizando atualmente Marcelo Ramos tentará deixar o PL de forma amigável

Marcelo Ramos tentará deixar o PL de forma amigável

Marcelo Ramos tentará deixar o PL de forma amigável

O deputado federal Marcelo Ramos (AM) tentará uma saída amigável do Partido Liberal (PL), após a filiação do presidente Jair Bolsonaro na sigla. Segundo fontes do Direto ao Ponto, o parlamentar já está com a carta de saída que em mãos e apresentará nesta terça-feira (7), ao presidente nacional da legenda, Valdemar Costa Neto.

A saída amigável que Marcelo Ramos busca nada mais é do que uma carta de alforria para que mesmo fora do PL, ele permaneça como vice-presidente da Câmara, já que o cargo que ocupa atualmente pertence ao partido.

O mal-estar causado após a filiação de Bolsonaro no PL tomou proporções ainda maiores, após o presidente Estadual da sigla no Amazonas, Alfredo Nascimento, afirmar, recentemente, que não há mais espaço para Ramos no partido.

Além de Alfredo, Ramos também vem recebendo duras críticas do pré-candidato ao Senado, Alfredo Menezes (sem partido), de quem é adversário político declarado.

Marcelo Ramos tem até março para decidir seu destino partidário a fim de estar apto à disputar a reeleição.

No final de semana, Marcelo já vistou duas possíveis casas novas. Ambos partidos de esquerda. O PDT, de Hissa Abrahão, onde teve duas conversas, uma com a pré-candidata ao Governo do Amazonas, a defensora Pública, Carol Braz, e a segunda com o ex-secretário de Educação e pré-candidato ao Senado, Luiz Castro.

Marcelo também esteve no final de semana com Serafim Corrêa, que comanda o PSB no Amazonas, partido que Ramos já foi filiado.

Deixe um comentário