Pazuello diz que foi informado sobre crise do oxigênio no Amazonas em 10 de janeiro

Pazuello diz que foi informado sobre crise do oxigênio no Amazonas em 10 de janeiro

Pazuello diz que foi informado sobre crise do oxigênio no Amazonas em 10 de janeiro

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello afirmou nesta quarta-feira (19), à CPI da Pandemia que foi informado sobre a crise da falta de oxigênio no Amazonas no dia 10 de janeiro, à noite, durante reunião com o governo estadual.

Anúncios

Entretanto, o senador Humberto Costa (PT-PE) informou que, no inquérito que investiga as omissões do governo federal sobre a crise, o Ministério da Saúde foi informado sobre a falta de oxigênio em 8 de janeiro. Além disso, a White Martins encaminhou e-mail à pasta, no dia 14 de janeiro, alertando sobre a falta de oxigênio no Amazonas. “O assunto é muito profundo. Ações proativas, precoces, trazem respostas melhores”, disse Pazuello sobre o caso.

Além disso, Pazuello disse que foi questionado apenas por telefone sobre um empréstimo de um avião, pelo governo norte-americano, destinado ao transporte de oxigênio. “O Ministério da Saúde nunca foi instado, a mandar especificações do avião para transporte de oxigênio. Soube por telefone. Agora em momento algum me chegou uma solicitação sobre especificações ao ministério”, disse.

Deixe um comentário