Prefeitura vai promover fórum para debater circulação de carretas nas vias da cidade

Prefeitura vai promover fórum para debater circulação de carretas nas vias da cidade

Prefeitura vai promover fórum para debater circulação de carretas nas vias da cidade

A Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), promoveu uma reunião na sede do órgão, na Cachoeirinha, para discutir medidas de segurança preventivas e restrição de veículos pesados nas vias da cidade. O encontro aconteceu nesta quarta-feira, (6), e contou com a presença do diretor-presidente do instituto, Paulo Henrique Martins, e do presidente do Sindicato dos Caminhoneiros e Carreteiros Autônomos, Sérgio Alexandre.

Anúncios

Durante o encontro, foram discutidas medidas para evitar que veículos pesados circulem em horários de grande fluxo, com rotas alternativas e com a finalidade de evitar acidentes e garantir que o trânsito tenha melhor fluidez, porém, sem prejudicar o abastecimento do Distrito Industrial e do comércio local, atividade essa que é realizada em grande maioria por condutores de veículos de grande porte.

“Acompanhamos hoje esses dois tombamentos de carretas e outros anteriores. Por isso, nós vamos reunir nos próximos dias com os segmentos dos portos, com as transportadoras de cargas para realizarmos um fórum para debater quais são as medidas preventivas, mas que sejam seguras e eficientes, para que a gente possa resolver definitivamente o problema da circulação do transporte de cargas na cidade de Manaus”, pontuou Paulo Henrique.

Sobre as medidas preventivas de horários de circulação das carretas na cidade, Paulo Henrique, informou que o prefeito David Almeida já orientou sobre as restrições a serem implantadas.

“O prefeito David Almeida já nos incumbiu de tomarmos medidas preventivas. A partir do início do mês de novembro, nós vamos restringir a circulação de reboque e semirreboque, que são as carretas, em determinadas vias e horários. Já estamos na fase final de elaboração desse planejamento. Após isso, vamos orientar as empresas para se organizarem e prepararem suas logísticas para atender o comércio da cidade”, disse.

Ainda segundo Martins, o fórum deve acontecer até o fim deste mês e todos os interessados no tema serão informados nas redes sociais do IMMU.

Diálogo

Para o presidente do Sindicato dos Caminhoneiros e Carreteiros Autônomos, Sérgio Alexandre, a reunião com a Prefeitura de Manaus, foi positiva, porque as medidas a serem implantadas serão discutidas por meio do diálogo e não impostas de maneira a não prejudicar os trabalhadores, as empresas e consequentemente toda a cidade.

“A prefeitura está abrindo as portas para nós termos esse diálogo, precisamos discutir a questão da segurança viária. Manaus precisa ter um plano de logística, diariamente a cidade recebe todo tipo de carga, desde produtos perigosos, estamos na época da colheita da soja que aumenta a circulação de carretas vindas de Boa Vista para Manaus e outras cargas que precisam ser transportadas nas vias locais”, observou.

Ainda de acordo com Sérgio, Manaus tem uma movimentação de cargas intensa, oriundas de Boa Vista (RR) e da Venezuela e esse trânsito de carretas precisa ser avaliado.

“Temos em média de quase 800 empresas transportadoras na capital, e 6 mil autônomos que circulam com caminhões e carretas diariamente na cidade. É uma movimentação muito grande”, frisou.

Deixe um comentário