Simone Papaiz e outros presos são soltos por determinação da Justiça

Simone Papaiz e outros presos são soltos por determinação da Justiça

Simone Papaiz e outros presos são soltos por determinação da Justiça

A Justiça expediu mandado de soltura da secretária estadual de Saúde Simone Papaiz e demais presos da Operação Sangria realizada pela Polícia Federal e Ministério Público Federal(MPF).

Anúncios

Em suma, a determinação judicial é de que a prisão temporária foi convertida para domiciliar no prazo de 5 dias.

A partir disso, além de Papaiz, os outros presos também ganharam liberdade. Portanto são eles: o dono da loja de vinhos, Fábio José Antunes, o ex- secretário executivo da Susam, João Paulo Marques, a gerente de compras da Susam, Alcineide Figueiredo, e a empresária Luciane Zuffo Vargas. A princípio, todos esses foram soltos no fim da tarde de ontem(4). Assim informou em nota a Secretária de Estado de Administração Penitenciária(Seap).

Perserverando da Trindade Garcia, Cristiano da Silva Cordeiro, e Simone Papaiz foram soltos na madrugada de hoje.

Isolamento total

O ministro Francisco Falcão determinou a “prisão domiciliar por cinco dias com proibição de qualquer tipo de relacionamento com o mundo exterior, saída sem prévia autorização, recebimento de visitas, salvo de seus advogados devidamente constituídos, contatos telefônicos ou por qualquer outro meio disponível e, especialmente, contato direto ou por interposta pessoa com os demais investigados no inquérito 1306/DF.”

Ainda de acordo com o ministro, o descumprimento dessas restrições durante o prazo fixado ensejará o imediato recolhimento do investigado a um estabelecimento prisional.

Deixe um comentário