Tarifa de energia elétrica é tema de Audiência Pública na ALE-AM 

Tarifa de energia elétrica é tema de Audiência Pública na ALE-AM 

Tarifa de energia elétrica é tema de Audiência Pública na ALE-AM 

Entidades e demais segmentos que representam o comércio e a indústria do Amazonas participam nesta quinta-feira (2), às 15h, de uma Audiência Pública virtual para debater o aumento da tarifa da energia elétrica nas contas dos setores e consumidores em geral. A reunião, promovida pela Comissão de Indústria, Comércio e Zona Franca da Assembleia Legislativa do Amazonas (CICZF-Aleam), visa discutir os impactos da substituição tributária e tributação do ICMS no custo de produção das empresas e propor soluções para a diminuição do valor cobrado nas contas do contribuinte amazonense.

Anúncios

Na Audiência, que será realizada por videoconferência através do aplicativo Zoom, estão confirmadas a participação de representantes de várias entidades do comércio, indústria e órgãos do governo como o presidente da Amazonas Energia, Tarcísio Estefano, o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus), Ralph Assayag, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Antônio Carlos da Silva, o presidente do Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (CIEAM), Wilson Périco e o presidente da Associação do Comércio do Estado do Amazonas (ACA), Jorge de Souza. Também estão previstas a presença do presidente da Jabil, Celso Piacentini, o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos (Eletros), José Nascimento, o presidente do Conselho de Consumidores da Amazonas Energia, Vaubel Mafra, entre outros segmentos.

Presidente da CICZF, o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) disse que o intuito da Audiência é discutir o aumento elevado da tarifa nas contas dos comerciantes, empresários e público em geral e questionar a concessionária de energia, que teve uma alta arrecadação em tempos de pandemia.

“Nossa ideia é discutir os motivos da mudança na cobrança do ICMS, o que deixou as contas dos empresários e consumidores mais cara. Estamos no meio de uma pandemia e quem está sofrendo com esse aumento é o consumidor final que está lá na ponta. Vamos debater e propor soluções para reduzir a tarifa e aliviar o bolso do contribuinte amazonense”, explicou o parlamentar.

Deixe um comentário