TCE-AM prorroga homeoffice até 19 de agosto

TCE-AM prorroga homeoffice até 19 de agosto

TCE-AM prorroga homeoffice até 19 de agosto

O conselheiro-presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), Mario de Mello, prorrogou a suspensão das atividades presenciais e o atendimento externo da Corte de Contas até o dia 19 de agosto para prevenir e evitar a propagação pelo novo coronavírus.

Anúncios

A portaria da nova prorrogação dos trabalhos presenciais foi publicada no Diário Oficial Eletrônico (DOE), nesta segunda-feira (27).

Mesmo com continuidade do homeoffice,  11 setores continuam trabalhando de forma híbrida – com servidores presencialmente no TCE e outros em homeoffice – com carga horária limitada e seguindo rígidas regras sanitárias. O uso de máscara é obrigatório. A permanência desses setores na Corte de Contas é permitida até às 14h, com jornada máxima de trabalho de 4 horas.

Com a prorrogação dos trabalhos em homeoffice, o TCE-AM procura garantir a segurança de seus servidores, até que haja uma segurança maior no contágio da Covid-19. O webtrabalho realizado pelo Tribunal tem alcançado uma boa resposta da sociedade e mostrado a competência de sua realização.

População continua sendo atendida

Atualmente, o TCE-AM conta com variadas plataformas de atendimento virtual, tanto para o recebimento de denúncias pela Ouvidoria (92) 8815-1000, quanto de dúvidas que podem ser enviadas ao robô virtual Jarvis (92) 98463-8467 até a protocolização de pedidos cautelares, feito por meio do Departamento de Autuação, Estrutura e Distribuição Pessoal (Deap) via e-mail [email protected].

Deixe um comentário