“Tivemos 16 votos dos 24, saímos muito fortes e vamos sempre votar unidos”, afirma presidente eleito da Aleam

“Tivemos 16 votos dos 24, saímos muito fortes e vamos sempre votar unidos”, afirma presidente eleito da Aleam

“Tivemos 16 votos dos 24, saímos muito fortes e vamos sempre votar unidos”, afirma presidente eleito da Aleam

Em entrevista à jornalista Rosiene Carvalho, o presidente eleito para comandar a Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado Roberto Cidade, afirmou que o parlamento é de todos e que vai fazer uma gestão para os 24 deputados.

Anúncios

“Tivemos 16 votos dos 24, saímos muito fortes e vamos sempre votar unidos, independente do que aconteça, e ninguém vai sofrer pressão, como sofreram durante a sessão de votação”, afirmou o presidente eleito.

Roberto salientou que o parlamento não é obrigado a seguir orientação do governo e que cada parlamentar tem a sua prerrogativa de voto.

“Uma eleição para presidência é uma questão de afinidade e confiança. Foram impor a Alessandra e a casa não quis a Alessandra como candidata”, disse Cidade, salientando que é um deputado independente e de centro.

Roberto ainda afirmou que imposição não funciona mais nesse parlamento, que a época da ditatura acabou e que cada deputado vota do jeito que quer.

“Eu sou Assembleia Legislativa. Eu sou os deputados”, concluiu Roberto Cidade, garantindo que sua gestão se dará da forma mais republicana possível e sempre dentro da legalidade.

Roberto Cidade (PV) foi eleito na última quinta-feira (3) para ser o novo presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas.

A antecipação ocorreu através da aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), que antecipou em alguns dias a votação para as eleições da Mesa Diretora da Aleam para o biênio 2021/2022.

Votação

Por 16 votos a 8, a votação que estava prevista para o dia 16 de dezembro, ocorreu nesta quinta (3) e elegeu a chapa que tem o deputado Roberto Cidade no comando e o até então presidente da Aleam, Josué Neto (PRTB), como vice.

A chapa do governo, montada de última hora, onde Alessandra Campelo foi substituída por Belarmino Lins, para tentar uma rearticulação de última hora, foi derrotada.

A Chapa

Membros da Mesa Diretora para o biênio de 2021/2022:

Roberto Cidade (PV) – presidente; Josué Neto (PRTB) – vice-presidente; Dra. Mayara Pinheiro (PP) – 2ª vice-presidente; Adjuto Afonso (PDT) – 3º vice-presidente; Delegado Péricles (PSL) – secretário geral; Álvaro Campelo (PP) – 1º secretário; Sinésio Campos (PT) – 2º secretário; Fausto Júnior (PRTB) – 3º secretário; Felipe Souza (Patriota) – ouvidor; Therezinha Ruiz (PSDB) – corregedora.

A nova Mesa Diretora toma posse no dia 1 de fevereiro de 2021.

Entenda o caso

A eleição estava prevista inicialmente para o dia 16 e era tida como certa a tentativa de reeleição do atual presidente Josué Neto. De outro lado, quatro candidatos da base governista tentavam se viabilizar: Abdala Fraxe, Alessandra Campelo, Roberto Cidade e Saullo Vianna.

Alessandra foi a escolhida pelo governador Wilson Lima o que causou um racha dentro da base, onde muitos já não estavam muito satisfeitos.

 

Deixe um comentário