Urgente | Governador Wilson Lima fecha praça do Caranguejo por 15 dias

Urgente | Governador Wilson Lima fecha praça do Caranguejo por 15 dias

Urgente | Governador Wilson Lima fecha praça do Caranguejo por 15 dias

Nesta segunda-feira (12) o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) anunciou que a partir de hoje, bares e restaurante da praça do caranguejo, Eldorado, estarão interditadas pelo prazo de 15 dias. Os estabelecimentos foram flagrados no último sábado (10), pela Central Integrada de Fiscalização (CIF) e por diversas imagens e vídeos que circularam nas redes sociais, que estavam descumprindo o decreto governamental com medidas para contenção da Covid-19, como o distanciamento social.

Anúncios

De acordo, com Wilson Lima, a praça do Eldorado, só retornará quando apresentarem um plano de funcionamento respeitando as medidas de proteção e distanciamento social.

“A partir de hoje, bares e restaurantes do Eldorado estão fechados por 15 dias. A polícia está indo lá no final do dia, para interditar todos aqueles bares e restaurantes. Só voltarão a funcionar quando apresentarem um plano de distanciamento social respeitando todos os protocolos sanitários. Que isso sirva de exemplo para quem não está respeitando as medidas de segurança”, enfatizou Wilson Lima.

Ele ressaltou que a reabertura do setor, realizada em consonância com monitoramento da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), que apontou queda na média móvel de casos e óbitos por Covid-19; faz parte do planejamento para recuperação econômica do estado, mas precisa cumprir todas as medidas de combate à proliferação do coronavírus.

“Lá atrás, quando nós fizemos um trabalho de flexibilização principalmente dos restaurantes e balneários, era com o objetivo de garantir que os trabalhadores desse segmento pudessem retornar as sus atividades, e que pudessem garantir o salário e o sustento de suas famílias. Infelizmente alguns estabelecimentos, alguns empresários, continuam aglomerando, desrespeitando o decreto, desrespeitando os protocolos sanitários”, destacou o governador.

“Nós estamos trabalhando muito, ampliando a nossa rede de saúde, nossos profissionais estão lá na ponta trabalhando muito para garantir o atendimento àquelas pessoas que estão sendo agravadas e que precisam de um leito clínico, de um leito de UTI, e infelizmente a gente se depara com situações como essa”, acrescentou Wilson Lima que recentemente disse que o Governo do Amazonas, se prepara para uma terceira onda de Covid-19 no estado, prevista para o mês de maio.

Fiscalização

Entre a sexta-feira (09) e o sábado (10), os agentes da Central Integrada de Fiscalização (CIF) fecharam 15 estabelecimentos, entre bares e festas clandestinas, em Manaus, identificados descumprindo o decreto governamental com medidas para contenção da Covid-19. A maioria dos fechamentos ocorreu na Praça do Eldorado, onde há cerca de seis bares e havia muita aglomeração.

O Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), prestou apoio à ação e realizou uma blitz da Lei Seca. A fiscalização flagrou 23 motoristas dirigindo alcoolizados na área. O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) e a Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus) realizaram as autuações.

Coordenada pela SSP-AM, a CIF conta com apoio das polícias Civil e Militar, CBMAM, agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Visa Manaus, Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) e Instituto Estadual de Defesa do Consumidor (Procon-AM).

Delações referentes a estabelecimentos comerciais ou festas clandestinas, que descumprem decreto governamental ou apresentem outras irregularidades, podem ser feitas ao 190 ou ao 181, o disque-denúncia da SSP-AM.

Deixe um comentário