Você está visualizando atualmente Wilson Lima amplia liderança na disputa pelo governo do estado do Amazonas

Wilson Lima amplia liderança na disputa pelo governo do estado do Amazonas

Wilson Lima amplia liderança na disputa pelo governo do estado do Amazonas

Pesquisa feita pelo Instituto Iveritas, registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número AM-00629/2022, na data de 17/10/2022, em que foram ouvidas 2.978 pessoas presencialmente em Manaus, Iranduba, Manacapuru, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Itacoatiara, Maués, Parintins, Autazes, Coari e Tefé, mostra a disputa presidencial empatada tecnicamente no Estado, em votos válidos,  com um ligeira liderança do Presidente Bolsonaro (50,45% a 49,55%).

Já para o governo do Estado do Amazonas, o candidato a reeleição Wilson Lima, amplia sua liderança com 62,17% dos votos válidos, e Eduardo Braga com 37,83%.

Pesquisa quantitativa que consiste na realização de entrevistas pessoais e presenciais, conduzidas por profissionais treinados, com a aplicação de questionários estruturados a uma amostra representativa da população votante composto por eleitores de 16 anos ou mais, residentes na zona urbana de Manaus, e mais 10 municípios do Estado do Amazonas: Autazes, Coari, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Maués, Parintins, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva e Tefé.

Na produção da mostra representativa desse público-alvo para cada município, foi utilizado um desenho amostral por conglomerados que prevê dois estágios. No primeiro estágio, é realizado um sorteio probabilístico por meio do método PPT (Probabilidade Proporcional ao Tamanho) aos pontos de fluxo a serem visitados pelos entrevistadores, sorteio que tem como base o total de eleitores acima de 16 anos residentes nos setores. Em seguida, são selecionadas as pessoas a serem entrevistadas utilizando-se cotas amostrais para as seguintes variáveis: sexo, idade, renda familiar e escolaridade.

O perfil da amostra, definido pelas cotas previstas, é o seguinte: Manaus, SEXO: Masculino (47%); Feminino (53%). IDADE: 16-24 anos (16%); 25-34 anos (23,9%); 35-44 anos (23,9%); 45-59 anos (23,8%); 60 ou mais (12,4%). RENDA FAMILIAR: Até 1 SM (38,9%); mais de 1 a 2 SM (33,1%); mais de 2 a 5 SM (19%); acima de 5 SM (9%). ESCOLARIDADE: Até Fundamental completo (24,1%); Médio incompleto ou completo (53,5%); Superior incompleto ou completo (22,4%). Fonte dos dados: TSE-Tribunal Superior Eleitoral – 2022; IBGE-Censo 2010.

Está prevista eventual ponderação da amostra para correção das variáveis sexo, idade, renda familiar e escolaridade com base nos percentuais anteriormente  mencionados, caso ocorram diferenças entre os percentuais previstos na amostra e a coleta de dados realizada.

O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima prevista, baseada em uma amostra aleatória simples (AAS), é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa foi realizadas por uma equipe de entrevistadores devidamente qualificada, com experiência e treinamento em pesquisa de opinião pública. Todo trabalho é feito em tablets ou outros dispositivos eletrônicos. Após a realização da coleta de dados, as entrevistas junto aos respondentes são checadas por meio de procedimentos de consistência.

Ao longo e após os trabalhos de campo, foi realizada uma fiscalização que consiste na checagem de uma amostra de 15% dos questionários aplicados para verificação das respostas e da adequação dos entrevistados aos parâmetros amostrais.

Confira a pesquisa abaixo:

Deixe um comentário