Artigo | “Amargo”, diz delegado Pablo Oliva

Artigo | “Amargo”, diz delegado Pablo Oliva

Artigo | “Amargo”, diz delegado Pablo Oliva

O Amazonas é mundialmente conhecido por estar na primeira posição em vários quesitos. Somos a maior floresta tropical da Terra, temos o rio mais extenso do globo, a bacia hidrográfica mais pujante do planeta, além de sermos o povo mais receptivo, caloroso e afetuoso do Brasil. Até recentemente esses eram os primeiros lugares que nos orgulhavam.

Hoje ocupamos também a primeira colocação num item que ninguém desejava ou esperava: o Estado com a primeira colocação no país, em número de infectados pelo coronavírus, por número de habitantes. Seria o nosso clima quente e úmido que ajuda a doença a se propagar? Ou então nossa gente de origem indígena, mais sensível ao vírus? Me custa crer que sejam quaisquer destes motivos climatológicos ou genéticos. Não é de agora que a saúde do Amazonas vem sendo objeto de reclamações do povo do Estado e dos servidores dos hospitais. Em poucos anos tivemos diversos Governos e a pasta da saúde remanescia como o maior desafio das autoridades. O problema que estava sem solução. A causa da queda de governantes e da ascenção de outros. Herança do passado ou maldição do destino, os cidadãos que escolheram o Amazonas para viver, sofrem nos corredores dos hospitais e lhes tem subtraído o direito digno de ter saúde.

Houve quem culpasse os profissionais da área, o que é falso e injusto. Desconheço sacerdócio mais dedicado que o dos médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, farmacêuticos e tantos outros servidores da saúde, que trabalham sem descanso e em condições inadequadas, além de muitos não terem seus pagamentos em dia, por obra de batalhas entre gestores atuais e pretéritos que não se entendem sobre valores, enquanto eles ficam sem receber pelo trabalho prestado, com muito suor e noites não dormidas. Que este título amargo que estamos vivendo nos sirva de alerta, para darmos atenção a algo que parecemos valorizar somente quando perdemos: nossa saúde.

Delegado Pablo Oliva – Deputado Federal pelo Amazonas e Delegado de Polícia Federal

Deixe um comentário