CBF desiste de quinta cidade-sede e pretende utilizar Engenhão

CBF desiste de quinta cidade-sede e pretende utilizar Engenhão

CBF desiste de quinta cidade-sede e pretende utilizar Engenhão

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sinalizou nesta quarta-feira (2) ao Palácio do Planalto que desistirá de viabilizar uma quinta cidade-sede para a Copa América, confirmada a realização no Brasil pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A ideia é que a competição esportiva seja realizada em quatro unidades federativas: Brasília, Goiás, Mato Grosso e Rio de Janeiro.

Anúncios

Para compensar a falta de uma quinta cidade-sede, número adotado em anos anteriores do torneio de futebol, o estádio Nilton Santos, conhecido como Engenhão, deve ser disponibilizado para a Copa América. Além do Engenhão, o Rio de Janeiro também deve disponibilizar para a competição esportiva o Maracanã, que deve ser usado apenas para o jogo final.

Além do Rio de Janeiro, Goiás também demonstrou interesse em oferecer dois estádios para a competição. O presidente do Atlético-GO, Adson Batista, disse à CNN que colocou o estádio Antônio Accioly à disposição da Conmebol para a disputa da Copa América de 2021. Ele garante que o segundo estádio conta com estrutura moderna, vestiários, iluminação padrão FIFA, sala para o VAR, camarotes e área de imprensa.

A programação da CBF é que a abertura seja promovida no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Os outros estádios que serão utilizados na competição são o estádio Olímpico, em Goiânia, e a Arena Pantanal, em Cuiabá. A CBF chegou a avaliar as cidades de Curitiba e Vitória como cidades-sede, mas desistiu, segundo integrantes da confederação, após resistências de gestões locais.

A Copa América aconteceria originalmente na Colômbia e na Argentina. O primeiro país abdicou da competição diante de instabilidades políticas, enquanto o segundo alegou insegurança sanitária em razão da Covid-19.

Pelas redes sociais, o ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, divulgou que as partidas não terão a presença de público. O governo federal também sinalizou que as comissões técnicas serão testadas antes e depois das partidas. Ainda assim, partidos de oposição e até mesmo da base aliada têm criticado a realização da competição esportiva diante do receio de que, durante a Copa América, o Brasil chegue a uma terceira onda da pandemia do coronavírus.

A CNN procurou o governo estadual e municipal do Rio e aguarda retorno.

Fonte: CNN Brasil

Deixe um comentário