De olho em 2022, Pacheco oficializa ida para o PSD, de Gilberto Kassab

De olho em 2022, Pacheco oficializa ida para o PSD, de Gilberto Kassab

De olho em 2022, Pacheco oficializa ida para o PSD, de Gilberto Kassab

Anúncios

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), anunciou nesta sexta-feira, (22), que vai se filiar ao PSD, partido comandado pelo ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.

A manifestação pública oficializa o que já era dado como certo em Brasília. A cerimônia de filiação deve ser na próxima quarta-feira. A intenção de Kassab é que Pacheco dispute a presidência da República em 2022.

Nas redes sociais, o presidente do Senado manifestou “votos de sucesso” ao recém-criado União Brasil, que surgiu da fusão do DEM com o PSL, ex-partido do presidente Jair Bolsonaro.

Pacheco ficou menos de quatro anos no DEM. Até 2018 ele era filiado ao MDB, mas deixou o partido por “divergência ideológica” em relação a alianças costuradas pelo partido em Minas Gerais.

Deixe um comentário