Você está visualizando atualmente Doria volta a ser réu por 21 reais

Doria volta a ser réu por 21 reais

João Doria voltou a figurar como réu por improbidade administrativa, pelo uso do slogan “Acelera SP” durante sua gestão como prefeito.

Doria havia conseguido efeito suspensivo em 30 de julho, mas perdeu o prazo para recolher R$ 21,25 da guia FEDTJ (Fundo Especial de Defesa) – o custo do recurso.

Segundo o G1, o dinheiro foi pago, mas por conta do atraso, a relatora Vera Angrisani aplicou a pena “de deserção, com a inadmissibilidade”.

De acordo com a Justiça, o pagamento dentro do prazo é pressuposto para que o recurso tenha valor. Como não foi feito nesse período, o recurso é desconsiderado.

Deixe um comentário