Você está visualizando atualmente Juiz arquiva ação da CPMI do 8/1 contra Mauro Cid: “Teatro político”

Juiz arquiva ação da CPMI do 8/1 contra Mauro Cid: “Teatro político”

Juiz arquiva ação da CPMI do 8/1 contra Mauro Cid: “Teatro político”

A Justiça Federal de Brasília arquivou a representação da CPMI do 8 de janeiro contra o tenente-coronel Mauro Cid (foto) por “abusar” do direito ao silêncio.

Em depoimento no dia 11 de julho, o ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro fez uso do direito ao silêncio mais de 40 vezes, recusando-se a responder até a questionamentos básicos.

O juiz Antonio Claudio Macedo da Silva não viu indícios de crime na conduta do militar. Em sua decisão, o magistrado chamou a sessão de “teatro político”.

“O que se assistiu naquela sessão foi a um teatro político, no qual forças políticas antagônicas, ao invés de apurar as causas e origens dos lamentáveis fatos ocorridos no dia 8 de janeiro do corrente ano, buscavam, em verdade, prolongar a polarização política que permeou as eleições presidenciais de 2022”, escreveu.

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário