Você está visualizando atualmente Lula indica advogada Vera Lúcia como ministra substituta do TSE

Lula indica advogada Vera Lúcia como ministra substituta do TSE

Lula indica advogada Vera Lúcia como ministra substituta do TSE

O presidente Lula indicou a advogada Vera Lúcia Santana Araújo, para a vaga de ministra substituta na classe dos juristas do Tribunal Superior Eleitoral. O ato foi publicado neste sábado (23), no Diário Oficial da União.

Vera Lúcia ocupará o lugar da ministra Maria Claudia Bucchianeri Pinheiro, que deixou a corte em agosto após completar mandato bienal. Ela era ministra substituta e representava a “classe dos juristas”, reservada a advogados.

O nome de Vera Lúcia foi escolhido por Lula após o Supremo Tribunal Federal referendar uma lista tríplice exclusivamente feminina com indicações para o cargo. 

Vera Lúcia tem 63 anos e atua como advogada eleitoral; integra a Executiva Nacional da Associação Brasileira de Juristas pela Democracia e a Frente de Mulheres Negras do DF e Entorno.

Ela ajudou na fundação do PT e começou a advogar para sindicatos de trabalhadores. No partido, atuou em debates internos sobre questões raciais.

Segundo o jornal O Globo, o ministro Alexandre de Moraes, presidente do TSE, ligou para Vera Lúcia para parabenizá-la. Ela já havia concorrido ao posto em 2022.

Atualmente, compõem de forma titular o TSE os ministros Alexandre de Moraes, Cármen Lúcia, Kassio Nunes Marques, Raul Araújo, Isabel Gallotti, André Ramos Tavares e Floriano Azevedo.

O TSE é composto por três ministros do Supremo Tribunal Federal, dois do Superior Tribunal de Justiça e dois provenientes da advocacia.

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário