Nove presos envolvidos em massacre de Manaus são transferidos para presídios federais

Nove presos envolvidos em massacre de Manaus são transferidos para presídios federais

Nove presos envolvidos em massacre de Manaus são transferidos para presídios federais

Um grupo de nove detentos do Amazonas embarcou para presídios federais na tarde de terça-feira (28), segundo informou o governo do estado. Ao menos três deles foram levados para a Penitenciária Federal de Brasília. As demais unidades prisionais não foram divulgadas. A previsão é que novas transferências ocorram nesta quarta-feira (29).

Anúncios

Os presos transferidos são apontados como chefes de grupos criminosos envolvidos no massacre que causou 55 mortes dentro de quatro penitenciárias de Manaus devido a brigas internas entre domingo (26) e segunda-feira (27).

A suspeita das autoridades é de que a barbárie tenha sido motivada por uma disputa pelo comando de uma mesma facção. Na noite desta terça-feira, chegou ao estado o grupo da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP), que ficará por 90 dias dentro das unidades onde ocorreram os conflitos.

Na manhã de terça, um comboio havia acompanhado o traslado dos presos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) até o Batalhão de Choque da Polícia Militar, local onde eles passaram por exames de corpo de delito.

Após os exames, os presos seguiram para o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes. O trajeto até o aeroporto de Manaus recebeu forte esquema de segurança. O embarque ocorreu por volta das 15h30.

Deixe um comentário