Papa Francisco pede jornalismo ‘valente’ e alerta sobre ‘fake news’ durante a pandemia

Papa Francisco pede jornalismo ‘valente’ e alerta sobre ‘fake news’ durante a pandemia

Papa Francisco pede jornalismo ‘valente’ e alerta sobre ‘fake news’ durante a pandemia

O papa Francisco apelou no último dia (23), por um jornalismo que classificou de “valente”, indo de encontro às pessoas e às histórias de vida, pedindo ainda que seja controlado o risco provocado pelas notícias falsas na internet, especialmente, com a pandemia da Covid-19.

Anúncios

“Opiniões atentas lamentam há muito tempo o risco de estabelecimento dos jornais “fotocópia” ou dos noticiários em rádio, televisões e sites que são, substancialmente, iguais, onde o gênero da investigação e da reportagem perdem espaço”, afirmou o líder da Igreja Católica, em mensagem pela 55ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais, que começará em 16 de maio.

Segundo o papa, os meios, atualmente, oferecem mais espaço para uma “informação reconfeccionada”, e são menos capazes de interceptar “a verdade das coisas ou a vida concreta das pessoas”, assim como não conseguem informar sobre os “fenômenos sociais mais graves”.

O pontífice, inclusive, pediu para que os profissionais de imprensa estejam menos de frente para um computador, conectados às redes sociais e estejam mais nas ruas, para “desgastar as solas dos sapatos”, parafraseando o jornalista espanhol Manuel Lozano Garrido, que morreu em 1971 e foi beatificado em 2010.

Fonte: JovenPan

Deixe um comentário