Você está visualizando atualmente PIB, celebridades e juristas lançam manifesto: “Brasil terá eleições e seus resultados serão respeitados”

PIB, celebridades e juristas lançam manifesto: “Brasil terá eleições e seus resultados serão respeitados”

PIB, celebridades e juristas lançam manifesto: “Brasil terá eleições e seus resultados serão respeitados”

Cerca de 270 juristas, empresários e artistas divulgaram nesta sexta-feira (22) um manifesto onde apoiam o sistema eleitoral brasileiro e as suas cortes eleitorais. O texto, intitulado “o Brasil terá eleições e seus resultados serão respeitados”, é mais um a angariar apoio ao Judiciário e contra os ataques de Jair Bolsonaro ao voto eletrônico.

O texto tem assinaturas de nomes como Cândido Bracher e Mario Mesquita (ambos do Itaú Unibanco), do Cardeal Dom Odilo Scherer e do professor Carlos Ari Sunfeld, da FGV. O texto também tem assinaturas da influencer budista Monja Coen e do ator Marcos Palmeira. Ex-ministros como José Gomes Temporão assinam a carta, assim como Ilan Goldfajn, que presidiu o Banco Central.

“A Justiça Eleitoral brasileira é uma das mais modernas e respeitadas do mundo. Confiamos nela e no atual sistema de votação eletrônico. A sociedade brasileira é garantidora da Constituição e não aceitará aventuras autoritárias” advertem os autores. “O Brasil terá eleições e seus resultados serão respeitados.”

Esta é mais uma resposta da sociedade civil aos ataques feitos por Jair Bolsonaro durante reunião com embaixadores na última segunda-feira (18). Na ocasião, junto a representantes de 40 países, Bolsonaro redobrou as críticas às urnas e indicou que não aceitará o resultado das eleições.

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário