Você está visualizando atualmente Saiba como votaram os senadores na volta da propaganda partidária

Saiba como votaram os senadores na volta da propaganda partidária

Saiba como votaram os senadores na volta da propaganda partidária

Por 47 votos a favor e 12 contrários, o plenário do Senado aprovou na noite de ontem (8), a volta da propaganda partidária gratuita no rádio e na TV.

Os três senadores do Amazonas, Eduardo Braga (MDB), Omar Aziz (PSD) e Plínio Valério (PSDB) votaram a favor da volta da propaganda.

Na prática, a proposta retoma o modelo existente até 2017, quando a “minirreforma eleitoral” daquele ano extinguiu esse tipo de inserção.

Eis a lista dos 12 senadores que votaram contra esse retrocesso:

Alessandro Vieira (Cidadania-SE)
Eduardo Girão (Podemos-CE)
Eliziane Gama (Cidadania-MA)
Esperidião Amin (PP-SC)
Flávio Arns (Podemos-PR)
Jarbas Vasconcelos (MDB-PE)
Jorge Kajuru (Podemos-GO)
Leila Barros (Cidadania-DF)
Randolfe Rodrigues (Rede-AP)
Reguffe (Podemos-DF)
Rodrigo Cunha (PSDB-AL)
Styvenson Valentim (Podemos-RN)

Votaram a favor do retorno da propaganda partidária:

Acir Gurgacz (PDT-RO)
Angelo Coronel (PSD-BA)
Antonio Anastasia (PSDB-MG)
Carlos Fávaro (PSD-MT)
Carlos Portinho (PL-RJ)
Carlos Viana (PSD-MG)
Chico Rodrigues (DEM-RR)
Daniella Ribeiro (PP-PB)
Davi Alcolumbre (DEM-AP)
Dário Berger (MDB-SC)
Eduardo Braga (MDB-AM)
Eduardo Gomes (MDB-TO)
Eliane Nogueira (PP-PI)
Fabiano Contarato (Rede-ES)
Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE)
Fernando Collor (Pros-AL)
Flávio Bolsonaro (PL-RJ)
Humberto Costa (PT-PE)
Irajá (PSD-TO)
Izalci Lucas (PSDB-DF)
Jaques Wagner (PT-BA)
Jayme Campos (DEM-MT)
Jean Paul Prates (PT-RN)
Jorginho Mello (PL-SC)
Kátia Abreu (PP-TO)
Luis Carlos Heinze (PP-RS)
Luiz do Carmo (MDB-GO)
Mailza Gomes (PP-AC)
Mara Gabrilli (PSDB-SP)
Marcelo Castro (MDB-PI)
Marcio Bittar (MDB-AC)
Marcos Rogério (DEM-RO)
Maria Eliza (MDB-RO)
Mecias de Jesus (Republicanos-RR)
Omar Aziz (PSD-AM)
Otto Alencar (PSD-BA)
Paulo Paim (PT-RS)
Paulo Rocha (PT-PA)
Plínio Valério (PSDB-AM)
Roberto Rocha (PSDB-MA)
Rogério Carvalho (PT-SE)
Romário (PL-RJ)
Sérgio Petecão (PSD-AC)
Vanderlan Cardoso (PSD-GO)
Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB)
Wellington Fagundes (PL-MT)
Weverton (PDT-MA)

Além de Rodrigo Pacheco, que não vota, não participaram da votação, não registraram voto ou estavam fora do Senado em missão:

Alvaro Dias (Podemos-PR)
Cid Gomes (PDT-CE)
Chiquinho Feitosa (DEM-CE)
Elmano Férrer (PP-PI)
Giordano (MDB-SP)
Jader Barbalho (MDB-PA)
José Aníbal (PSDB-SP)
Lasier Martins (Podemos-RS)
Lucas Barreto (PSD-AP)
Marcos do Val (Podemos-ES)
Maria do Carmo Alves (DEM-SE)
Nelsinho Trad (PSD-MS)
Nilda Gondim (MDB-PB)
Oriovisto Guimarães (Podemos-PR)
Renan Calheiros (MDB-AL)
Rose de Freitas (MDB-ES)
Simone Tebet (MDB-MS)
Soraya Thronicke (PSL-MS)
Telmário Mota (Pros-RR)
Zenaide Maia (Pros-RN)
Zequinha Marinho (PSC-PA)

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário