Você está visualizando atualmente Tragédia no Rio Grande do Sul: Lula ignora visita ao estado e decide

Tragédia no Rio Grande do Sul: Lula ignora visita ao estado e decide

Tragédia no Rio Grande do Sul: Lula ignora visita ao estado e decide

Desde a última segunda-feira (4), a passagem de um ciclone extratropical atingiu o estado do Rio Grande do Sul. Até a manhã desta sexta-feira (8), 41 mortes já tinham sido confirmadas. Há relatos de feridos e desaparecidos.

De acordo com a Defesa Civil do estado gaúcho, mais de 120 mil pessoas foram afetadas pelas fortes chuvas. Ao todo, estima-se que 8 mil pessoas estejam desalojadas e 3 mil desabrigadas.

Apesar da gravidade da situação, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva cumpriu uma série de agenda de compromissos oficiais nesta quinta-feira (7), sem ir ao Rio Grande do Sul.

Ainda na tarde de ontem, após o comparecimento no desfile cívico da Independência do Brasil, na Esplanada dos Ministérios (DF), que esteve esvaziado de público, Lula iniciou viagem rumo à Índia, onde participa do encontro do G-20 (grupo das 20 maiores economia do mundo).

O Ministério da Integração e Desenvolvimento Regional, ligado ao governo federal, reconheceu estado de calamidade pública em 79 cidades gaúchas. A medida abre caminho para a transferência de recursos que visem atender a crise no RS.

Conforme comunicado do governo do Rio Grande do Sul, as mortes ocorreram em dez municípios do Estado:

• Muçum — 15;
• Roca Sales — 9;
• Lajeado — 3;
• Cruzeiro do Sul — 3;
• Estrela — 2;
• Ibiraiaras — 2;
• Mato Castelhano — 1;
• Passo Fundo — 1;
• Encantado — 1; e
• Santa Tereza — 1.

Como antecipou o Conexão Política, a expectativa é que Lula e sua comitiva presidencial circulem por vários países neste mês de setembro, como Cuba, Índia e Estados Unidos. As agendas internacionais seguem como prioridades, visto que Lula não reservou tempo para comparecer ao Rio Grande do Sul e trafegar pelos principais pontos castigados desde o início do temporal.

Reações 

A ausência de Lula no estado gaúcho tem motivado questionamentos nas redes sociais. “Lula erra demais ao não ir ao Rio Grande do Sul, diante da tragédia que aconteceu”, escreveu o internauta Luciano Carvalho, em sua conta na rede social X, antigo Twitter.

“Lula deixou de visitar o Rio Grande do Sul, que vive uma tragédia, pra ir ver o seu amigo Biden e defender a agenda ESG no G20. Vassalo anti-Brasil”, escreveu outro usuário da plataforma.

“Lula não foi ao Rio Grande do Sul, que sofre com dezenas de mortes. Preferiu embarcar com Janja para a mais uma viagem ao exterior — um passeio internacional a cada 20 dias”, lamentou o jornalista Silvio Navarro, também na rede social X.

Fonte: Conexão Política

Deixe um comentário