Urgente | Supremo determina que Bolsonaro supra os estabelecimentos de saúde de Manaus com oxigênio em 48h

Urgente | Supremo determina que Bolsonaro supra os estabelecimentos de saúde de Manaus com oxigênio em 48h

Urgente | Supremo determina que Bolsonaro supra os estabelecimentos de saúde de Manaus com oxigênio em 48h

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, determinou nesta sexta-feira 15 que o governo de Jair Bolsonaro promova, imediatamente, “todas as ações ao seu alcance” para reverter o colapso na saúde em Manaus, suprindo os hospitais com oxigênio e outros insumos.

Anúncios

Lewandowski deu 48 horas ao governo para apresentar ao STF um plano detalhado com as estratégias que adotou ou pretende desenvolver para o enfrentamento da situação de emergência, discriminando ações, cronogramas, parcerias correspondentes e recursos financeiros. O plano deve ser atualizado a cada dois dias.

Nas palavras do ministro, o governo tem o dever de “debelar a seríssima crise sanitária instalada em Manaus”.

A ordem, em caráter liminar, é uma resposta a uma ação movida por PT e PCdoB no STF, na quinta-feira 14, que pediu “tutela de urgência incidental”. No entanto, o pedido de lockdown no estado do Amazonas pelas siglas não foi acatado por Lewandowski. O magistrado considerou a questão “incabível”, por exigir “análise mais aprofundada dos elementos fáticos e de dados técnicos envolvidos”.

Deixe um comentário