Vereador é morto a tiros na porta de casa

Vereador é morto a tiros na porta de casa

Vereador é morto a tiros na porta de casa

O vereador Denis Lucas (Republicanos) morreu após ser baleado na cabeça quando chegava em casa, em Itapevi, na Grande São Paulo, na noite dessa quarta-feira (17). De acordo com a Polícia Civil, o político foi assassinado com dois tiros logo depois de estacionar o carro na garagem. As autoridades investigam se o crime teve motivação política.

Anúncios

Denis Lucas cumpria seu segundo mandato e era membro de duas importantes comissões permanentes da Câmara Municipal da cidade: a de Finanças e Orçamento e a de Fiscalização e Controle. Além disso, era vice-presidente da Comissão Temporária de Segurança Pública e Cultura de Paz na Câmara.

Segundo o G1, a possibilidade de latrocínio (roubo seguido de morte) foi descartada, já que nenhum objeto do vereador foi levado. A polícia investiga se mais uma pessoa, além do atirador, participou do crime.

O país registrou outros assassinatos de políticos recentemente. Em setembro, Alexsandro Silva Faria (Solidariedade), conhecido como Sandro do Sindicato, foi morto a tiros de fuzil em Duque de Caxias. Ele foi o terceiro vereador assassinado na Baixada Fluminense em menos de um ano.

Em 12 de setembro, o vereador Joaquim José Quinze Santos Alexandre, o ex-PM Quinzé (PL), executado a tiros. Antes, em 10 de março, o vereador Danilo Francisco da Silva (MDB), o Danilo do Mercado, e o filho dele foram encontrados mortos.

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário