Em visita a Seped a ministra Damares Alves reafirma apoio do Governo Federal para PcDs no Amazonas

Em visita a Seped a ministra Damares Alves reafirma apoio do Governo Federal para PcDs no Amazonas

Nesta quinta-feira (28/03), a ministra do Ministério da Mulher, da Família e Direitos Humanos (MMFDH), Damares Alves, cumpre agenda em Manaus acompanhada das secretárias nacionais da Mulher e da Pessoa com Deficiência, Tia Eron e Priscilla Gaspar, respectivamente, para conhecer projetos e Organizações da Sociedade Civil (OSCs) do Amazonas que recebem o fomento da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped).

O governador em exercício Carlos Almeida, recepcionou a ministra e disse, a defesa de direitos humanos é parte do programa do Governo Wilson Lima como uma política de integração.  

Anúncios

“É uma parte extremamente importante, haja vista que nós temos, de acordo com dados da Secretaria de Pessoas com Deficiência (Seped), em torno de um quarto (¼) da população do Estado do Amazonas com deficiência. Então, nós não podemos, como Estado, virar as costas para uma demanda que faz parte de nossa realidade e parte de uma preocupação que é constitucional: a integração e a efetiva concessão de serviços e demandas de natureza de equalização que são essenciais ao nosso governo”, afirmou o governador em exercício.

Para a ministra, o encontro é o começo de uma grande parceria do Governo Federal com o Amazonas em temas tão delicados. 

“Algumas propostas foram colocadas na mesa, todas aceitas pelo governador e alguns desafios feitos do governador para o Governo Federal. Saímos daqui felizes em encontrar tantos agentes públicos comprometidos com a defesa da mulher, a defesa da criança e a defesa da pessoa com deficiência”, comentou.

No início da manhã, as autoridades nacionais, acompanhadas da titular da Seped, Viviane Lima, visitaram o Abrigo Moacyr Alves e puderam conhecer a estrutura de uma das OSCs que recebe o fomento da secretaria.
Em seguida, elas se deslocaram até a nova sede da Seped, onde receberam a imprensa. A secretária Viviane Lima afirmou que esse é o momento em que o Amazonas mostrará o seu potencial. “Nós somos uma secretaria que representa 1/4 da população amazonense. São um milhão e cinquenta e cinco mil pessoas que estavam desassistidas no estado. Então, com esse momento, com esta visita, nós damos o pontapé inicial para que a políticas públicas cheguem e para que os projetos voltados às pessoas com deficiência possam ser ampliados”, disse.
Compromisso – A ministra do MMFDH afirmou que o Governo Federal quer entender e ajudar na criação de políticas públicas para as pessoas com deficiência no Amazonas. “É por isso que nós estamos aqui, para sentar com a secretária Viviane Lima e com o Governo do Estado, para entender como nós podemos ajudar. Queremos visitar comunidades indígenas, pois se lá tiver uma pessoa com deficiência ela vai ser alcançada pelo Governo Federal”, explicou Damares, ressaltando o pioneirismo do Amazonas em, no Norte, ter implantado uma secretaria exclusiva às questões das PcDs.
Mulheres – O acolhimento às mulheres vítimas de violência também é uma das prioridades de Damares Alves. Aproveitando a visita da ministra à Seped, a titular da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Caroline Braz, apresentou à comitiva federal o terreno onde será construída uma casa de acolhimento à essas vítimas. O local foi doado pelo Tribunal de Justiçado Estado do Amazonas (TJ-AM).

Deixe um comentário