Indústria brasileira desenvolve tecidos capazes de neutralizar vírus

Indústria brasileira desenvolve tecidos capazes de neutralizar vírus

Indústria brasileira desenvolve tecidos capazes de neutralizar vírus

Em breve roupas, máscaras e uniformes ganharão uma função protetiva extra, no combate a Covid-19.

Anúncios

Isto porque tecidos que estejam tratados com soluções químicas de prata já se mostraram eficientes para neutralizar o novo coronavírus. A solução já havia dado resultados positivos no combate de outros vírus como o H1N1 e o HIV.

Agora, os chamados tecidos antivirais despontam como tendência para confecção de máscaras, aventais e uniformes, mas também podem ser adaptados para o o vestuário cotidiano.

A solução de prata chamada de Ag+Fresh foi desenvolvida pela Nanox, em parceria com o Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, com a Universitat I na Espanha e o Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

Os tecidos que possuem a solução neutralizam até 99% dos vírus e evitam que as roupas sejam veículos de transmissão, segundo Luiz Gustavo Pagotto, diretor da indústria química paulista Nanox.

Deixe um comentário