Professores decidem não retornar para aulas presenciais em Manaus

Professores decidem não retornar para aulas presenciais em Manaus

Professores decidem não retornar para aulas presenciais em Manaus

Parte dos professores da rede pública estadual de ensino declararam que não retornarão às escolas para aulas presenciais, que começam na segunda-feira (10).

Anúncios

Filiados à AspromSindical, os trabalhadores da educação deflagaram greve nessa quarta-feira (5), em assembleia geral.

A decisão atinge estudantes do ensino médio que retornarão às aulas na segunda-feira, conforme definido pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc). A Asprom alega insegurança sanitária nas escolas, mesmo com a instalação de pias e totens com álcool em gel para uso pelos alunos e professores.

Confira a nota do sindicato na íntegra: 

DEFLAGRAÇÃO DE GREVE A FAVOR DA VIDA E CONTRA O RETORNO PRECIPITADO DAS AULAS PRESENCIAIS NA SEDUC.

Na tarde desta quarta-feira, 05/08/20, a categoria dos Professores e Pedagogos de Manaus, reunida em Assembleia Geral Extraordinária do Sindicato dos Professores e Pedagogos de Manaus-AspromSindical, decidiu, por unanimidade, deflagrar greve geral por tempo indeterminado contra o retorno das aulas presenciais na rede pública estadual de ensino, nas escolas de Ensino Médio, que, por determinação do Governador Wilson Lima, deveria acontecer na segunda-feira, dia 10/08/20.

A greve atingirá somente os professores e pedagogos que atuam nas escolas de Ensino Médio onde o Governador determinou o retorno das aulas presenciais, na Capital Manaus.

A greve não atingirá os trabalhadores do Ensino Fundamental que continuam realizando o trabalho remoto, trabalhando em casa.

O Governo será comunicado amanhã, 06/08/20, sobre a decisão da deflagração da greve e, com a comunicação, começa a contagem de 72 horas para se fazer a instalação da greve.

A Assembleia Geral Extraordinária de Instalação da Greve será realizada na segunda-feira, 10/08/20, às 15:30, em local a ser definido.

Convocamos todos os professores e pedagogos da Seduc que atuam nas escolas de Ensino Médio em Manaus para estarem presentes na Assembleia Geral de Instalação da Greve.

A LUTA É PELA VIDA!

A DIRETORIA

Deixe um comentário