Mundo registra recorde de 3,6 milhões de casos em 24 horas

Mundo registra recorde de 3,6 milhões de casos em 24 horas

Mundo registra recorde de 3,6 milhões de casos em 24 horas

Anúncios

Em meio à proliferação da variante ômicron do novo coronavírus, o mundo registrou mais de 3,67 milhões de casos de Covid-19 em apenas 24 horas. É o 5º recorde diário de novos infectados nos últimos 10 dias.

Os Estados Unidos seguem liderando o ranking de novas infecções (894 mil), mas o recorde mundial desta vez foi impulsionado pela Índia, que registrou seu maior número diário de casos desde o início da pandemia: 442 mil.

Antes da atual onda, o maior número de infectados em 1 dia no mundo era de 905 mil, registrados em 25 de abril de 2021, em meio ao colapso sanitário na Índia causado pela variante delta. O recorde de casos do país era de 414 mil, registrados em 6 de maio de 2021.

Os 10 países com mais casos confirmados nas últimas 24 horas foram:

  • Estados Unidos: 894 mil
  • Índia: 442 mil
  • França: 361 mil
  • Itália: 196 mil
  • Espanha: 179 mil
  • Austrália: 175 mil
  • Argentina: 131 mil
  • Reino Unido: 129 mil
  • Brasil: 87 mil
  • Alemanha: 86 mil

O Brasil voltou a ser um dos dez países com mais infectados, mesmo com o apagão de dados e a instabilidade nos sistemas do Ministério da Saúde. Foram 87 mil novos casos nas últimas 24 horas, e a média móvel voltou a ficar acima de 50 mil pela 1ª vez em 6 meses.

Os dados são de quarta-feira (12) e foram compilados e divulgados nesta quinta-feira (13) pelo “Our World in Data”, projeto ligado à Universidade de Oxford.

Mortes por Covid

A quantidade de mortes por Covid-19 interrompeu uma trajetória de queda — que ocorria desde dezembro — e passou a subir nos últimos dias. Mas não está crescendo na mesma proporção da explosão do número de infectados.

Foram registrados 9,1 mil óbitos no mundo nas últimas 24 horas — e, com isso, a média móvel subiu para 6,7 mil (uma alta de 13% em uma semana e o mesmo patamar de três semanas atrás). Já a média de novos casos está em 2,77 milhões atualmente e subiu 46% e 290% nos mesmos períodos.

A média móvel de óbitos atual está inclusive abaixo da primeira onda da pandemia, em abril de 2020 (quando chegou a um pico de 7,1 mil). Na época, o mundo registrava uma média de 87 mil casos por dia.

Hoje, com 59% da população mundial vacinada com ao menos uma dose e mais da metade completamente imunizada, o mundo tem uma média de 2,77 milhões de novos infectados por dia e está registrando menos mortes.

Deixe um comentário