Você está visualizando atualmente Opinião | David Almeida lidera 1ª pesquisa para a disputa pela prefeitura de Manaus de 2024

Opinião | David Almeida lidera 1ª pesquisa para a disputa pela prefeitura de Manaus de 2024

Opinião | David Almeida lidera 1ª pesquisa para a disputa pela prefeitura de Manaus de 2024

Pesquisa aponta vitoria apertada de David contra Amom, em um eventual segundo turno

Wilson Lima e David Almeida com popularidade alta em Manaus

Bolsonaro pode impulsionar candidato do PL em Manaus

Esquerda enfrenta dificuldades para achar nome competitivo para disputar prefeitura de Manaus

Filho de Amazonino Mendes pode estrear na política e disputar prefeitura de Manaus 

Wilson Lima anuncia Campus Party Amazônia para outubro em Manaus

Semcom tem novo subsecretário

Disputa eleitoral

Políticos já se articulam e discutem cenários e possíveis alianças para a corrida pela Prefeitura de Manaus, em 2024. 

A um ano e meio do pleito, a expectativa é de uma eleição disputada e decidida em dois turnos. Foram assim as oito últimas eleições para a prefeitura de Manaus. Outra curiosidade é que entre os prefeitos com mandato que disputaram a reeleição, apenas Serafim Corrêa, em 2008, não conseguiu a reeleição.

No cenário de hoje, três forças políticas se destacam na corrida eleitoral. Uma quarta pode surgir, a da esquerda, muito atrelada ao desempenho da gestão do presidente Lula.

Pesquisa Perspectiva

Hoje a nossa analise será em cima do recente levantamento realizado pela Perspectiva Pesquisas, para a disputa pela prefeitura de Manaus, em 2024.

A pesquisa aponta uma eleição em dois turnos e a liderança do prefeito David Almeida (Avante) em todos os cenários no primeiro turno e no segundo turno.

Espontânea

Se a eleição fosse hoje o prefeito David Almeida seria reeleito. 

Na pesquisa espontânea ele aparece em primeiro lugar com 15,3% das intenções de votos, Amom Mandel (Cidadania) aparece em segundo com 6%.

Coronel Menezes (PL), José Ricardo (PT), Capitão Alberto Neto (PL), Ricardo Nicolau (SD), Roberto Cidade (União Brasil), Armando Mendes (PSDB) e Plínio Valério (PSDB) aparecem empatados tecnicamente abaixo de 1,2%.

Estimulada 

No cenário estimulado, David Almeida lidera a corrida eleitoral para a prefeitura de Manaus com 31,9% das intenções de voto. Em segundo lugar aparece Amom Mandel com 26,2%.

Outros sete nomes aparecem com um dígito: Coronel Menezes com 9,8%, José Ricardo com 4,8%, Capitão Alberto Neto com 4,2%, Ricardo Nicolau com 4,1%, Roberto Cidade com 2,8%, Armando Mendes com 2,5% e Plínio Valério com 1,3%.

Segundo turno

A Perspectiva trouxe dois cenários de segundos turno.

O primeiro aponta uma vitoria apertada de David Almeida com 45% de intenção de votos em um eventual segundo turno da eleição e Amom Mandel com 43%.

O segundo cenário uma vitória mais elástica de David frente a Coronel Menezes, com 56% a 28%, respectivamente.

Gestões bem avaliadas

A pesquisa também mostrou que o prefeito David Almeida e o governador Wilson Lima (União Brasil), com altos índices de aprovação na capital amazonense.

A gestão do prefeito David Almeida tem 73,1% de aprovação entre os manauaras. 

A gestão de Wilson Lima é avaliada como positiva para 63,4% dos entrevistados. 

Esse dado engloba aqueles que consideraram as gestões como ótima, boa ou regular positiva.

Dados

A sondagem da Perspectiva ouviu 1,5 mil eleitores de Manaus, entre os dias 28 e 31 de março. 

A pesquisa foi feita por telefone e tem índice de confiança de 95%.

David Almeida

O prefeito David Almeida se movimenta em busca da sua reeleição.

Historicamente a máquina tem peso no pleito eleitoral. O apoio do governador Wilson Lima e de uma segunda máquina traria mais previsibilidade à disputa.

Além disso ambos possuem os maiores grupos políticos e estão com a popularidade em alta em Manaus.

Amom Mandel

O deputado federal Amom Mandel, por enquanto, continua sendo o queridinho de Manaus.

A pesquisa aponta que o seu o recall da última eleição continua forte.

Entre os pontos que impulsionam Amom, três se destacam. 

O primeiro é a oposição e o antagonismo que ele vem exercendo frente ao prefeito David Almeida. Segundo é que as pessoas não enxergam ele como um político tradicional, o que no Brasil é fundamental para o crescimento orgânico.

Camaleão

Terceiro é o seu poder de penetração entre os eleitores de Bolsonaro e de Lula. Amom segue como um camaleão circulando entre os dois eleitorados e se esquivando bem da polarização e de pautas como aborto, legalização das drogas, lava jato.

Digamos que ele toma café da manhã com a esquerda de Tabata Amaral, Guilherme Boulos e Duda Salabert e janta fazendo críticas ao Lula, e fica tudo bem entre os eleitores da direita e da esquerda.

Por enquanto tem dado certo…

Interesses

A viabilização da candidatura de Amom atende a alguns interesses. 

Existem forças políticas que acreditam que ele é o melhor candidato para David enfrentar no segundo turno, pelos motivos que vamos abordar em uma outra oportunidade, mais na frente.

Também existem forças políticas que tem interesses vitória de Amom por dois motivos principais. Se tira do game David Almeida para as futuras disputas para o governo do Amazonas ou Senado. E coloca na prefeitura de Manaus uma pessoa que não seria concorrente direto nessas vagas em 2026, 2030 e 2034, por conta da idade.

É facinho ligar esses pontos. 

A idade mínima para assumir o governo do Amazonas é de 30 anos. E para assumir uma vaga no Senado de 35 anos. 

Amom tem 22 anos.

Candidato do Bolsonaro

Uma força que pode surpreender nessa eleição e pleitear o segundo turno é o candidato do Bolsonaro na disputa para a prefeitura de Manaus. Ainda mais se a economia e a gestão de Lula forem um desastre.

Hoje dois nomes buscam se viabilizar para a disputa pelo PL e ter as bençãos e apoio incondicional de Bolsonaro: Coronel Menezes e Capitão Alberto Neto.

Também vale lembrar que existe um flerte de David Almeida com o partido.

Dependendo do cenário político do ano que vem, o apoio de Bolsonaro pode garantir a ida ao segundo turno de um candidato do PL.

Esquerda

A esquerda segue com dificuldades para achar um nome competitivo para disputar a prefeitura de Manaus em 2024.

Ainda mais com as previsões desastrosas da gestão do presidente Lula. Nesse cenário podem entrar na disputa Zé Ricardo, Sinésio Campos (PT) e até Ricardo Nicolau.

Se por ventura a gestão do presidente Lula surpreender e deslanchar, nomes como os dos senadores Omar Aziz (PSD) e Eduardo Braga (MDB), terão preferência na disputa, se assim desejarem. 

Roberto Cidade

O nome do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Roberto Cidade (União Brasil), também foi lembrado pelos eleitores.

A viabilidade do seu nome está atrelada ao apoio do governador Wilson Lima, primeiro do ponto de vista de partido, pois precisaria do aval do União Brasil, comando por Wilson Lima para ser candidato. Segundo porque precisaria um grupo político coeso e unido para enfrentar duas maquinas (municipal e federal) e resquícios de uma polarização e de um jovem fenômeno eleitoral, para ter força e chegar ao segundo turno.

Legado

Quem também foi testado na pesquisa foi Armando Mendes, filho do ex-governador Amazonino Mendes.

Armando sempre atuou nos bastidores da política para o pai e pode estrear na disputa eleitoral do ano quem, como cabeça de chapa ou até mesmo compor como vice.

8 ou 80

Quem apareceu em último lugar nas intenções de voto foi o senador Plínio Valério.

O senador tucano que foi fenômeno de votos em 2018 não vem conseguindo repetir o desempenho nas pesquisas para a disputa eleitoral de 2024.

Tabuleiro

A pesquisa da Perspectiva abre o ano dos estudos eleitorais para a disputa do ano que vem. Muitas outras pesquisas serão divulgadas, entre elas, nas próximas semanas a do Direto ao Ponto Pesquisas.

E nesse tabuleiro muitas peças ainda precisam ser definidas. 

Como chega o prefeito David Almeida na disputa e quem vai ser o vice? Quem vai ser o candidato do governador Wilson Lima? Quem vai ser o candidato do Bolsonaro e do Lula? Existe campo para uma surpresa e fenômeno eleitoral?

Muita água, costuras, promessas e pernadas vão rolar.

Essas e muitas outras indagações ainda serão o temas de futuras analises por aqui.

Campus Party Amazônia

O governador do Amazonas, Wilson Lima, lançou, neste sábado (09), a Campus Party Amazônia, que será realizada entre os dias 11 e 15 de outubro, no Studio 5 Shopping e Convenções, em Manaus. 

O anúncio foi feito durante a quinta edição da Campus Party Brasília (CPBSB5), no Estádio Mané Garrincha, no Distrito Federal.

Em seu discurso, ao lado do diretor da Campus Party, Francesco Farruggia, o governador destacou o potencial do Amazonas para se tornar referência nas áreas de tecnologia e desenvolvimento sustentável, e destacou que eventos como a #CPAmazônia dão visibilidade, atraem investimentos e ajudam a propor soluções para demandas como a questão da internet no estado.

Novo subsecretário

A Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) da prefeitura de Manaus informou neste domingo (9), mudança na subsecretaria. 

O cientista político Jack Serafim deixa o cargo para se dedicar a projetos pessoais. 

No lugar dele assume o jornalista Hudson Braga, que desde janeiro deste ano ocupava a função de diretor de Comunicação Estratégica da Semcom.

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaoponto

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário