Opinião | Prefeito, ex-prefeito e pelos menos 20 dos 41 vereadores de Manaus deverão ser candidatos a deputado estadual

Opinião | Prefeito, ex-prefeito e pelos menos 20 dos 41 vereadores de Manaus deverão ser candidatos a deputado estadual

Opinião | Prefeito, ex-prefeito e pelos menos 20 dos 41 vereadores de Manaus deverão ser candidatos a deputado estadual

Capitão Carpê, Raiff Mattos e Rodrigo Guedes são nomes certos

Parentes de prefeitos do interior entrarão na disputa

Ex-miss Brasil e mulher de Bi Garcia, Mayra Dias quer uma cadeira na Assembleia

Prefeito de Maués, Júnior Leite (PSC), pode ser candidato a estadual

Voo mais alto

A um ano das eleições de 2022, os candidatos já começam a se articular para obter êxito nas urnas. A disputa por uma das 24 cadeiras disponíveis na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) promete ser a mais disputada dos últimos anos, sobretudo pela nova regra eleitoral que proíbe a coligação de partidos.

Anúncios

Entre os candidatos a disputar uma vaga no Parlamento Estadual estão pelo menos 20 dos 41 vereadores de Manaus.

Nomes certos

O Direto ao Ponto apurou que entre os vereadores há nomes que já bateram o martelo, ou seja, não são mais uma possibilidade e sim uma realidade.

São eles: Capitão Carpê (Republicanos), Raiff Mattos (DC), Rodrigo Guedes (PSC), Caio André (PSC), Professora Jaqueline (Podemos), Joelson Silva (Patriota), Dione Carvalho (Patriota), Mitoso (PTB), William Alemão (Cidadania) e Jaildo dos Rodoviários (PCdoB).

Possíveis candidatos

Entre os que devem ser candidatos, mas ainda não confirmaram oficialmente estão: Lissandro Breval (Avante), Rosivaldo Cordovil (PSDB), Everton Assis (PSL), Rosinaldo Bual (PMN), Eduardo Alfaia (PMN), Eduardo Assis (Avante), Wanderley Monteiro (Avante), Elan Alencar (Pros), Professor Samuel (PL) e Peixoto (PTC).

Dificuldades

Alguns dos postulantes tendem a ter dificuldades partidárias, já que disputaram o pleito municipal em 2020 numa configuração que dificilmente se manterá para o ano que vem.

A maioria hoje é da base aliada do prefeito de Manaus, David Almeida. Com a disputa, a tendência é que temporariamente, no pleito de 2022, muitos caminhem em lados opostos ao do prefeito de Manaus.

Os membros da atual legislatura da Assembleia Legislativa do Amazonas também trabalham forte para a reeleição.

Dos 24 deputados, apenas três não entram na disputa para a reeleição. Ricardo Nicolau, candidato ao governo e Fausto Jr e Saullo Vianna, candidatos a deputado federal.

Infidelidade partidária

Os vereadores também terão dificuldade em relação à mudança de partido. Vale lembrar que a janela partidária de março do ano que vem só é permitida para deputados estaduais e federais.

Por decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 2018, só pode usufruir da janela partidária a pessoa eleita que esteja no término do mandato vigente, ou seja, os vereadores não gozam do benefício, sob o risco de perderem o mandato por infidelidade partidária.

Política em família

Também de olho numa vaga na Aleam estão parentes de prefeitos do interior do Amazonas.

O Direto ao Ponto apurou que Thiago Abrahim, filho de Mário Abrahim (PSC), que comanda o município de Itacoatiara, será candidato.

Além dele, a esposa do prefeito de Parintins, Bi Garcia (DEM), a miss Brasil de 2018, Mayra Dias, também será candidata nas próximas eleições.

Os irmãos

Os irmãos do prefeito de Manacapuru, Beto D’Ângelo (Republicanos), do prefeito de Tabatinga, Saul Bemerguy (MDB) e do prefeito de Tefé, Nicson Marreira (PTB), também serão candidatos a deputado estadual.

O ex-deputado Vicente Lopes, tio da prefeita de Presidente Figueiredo, Patricia Lopes, também será candidato a deputado estadual com o apoio da sobrinha.

Possibilidades

Thiago Abrahim apostará, obviamente, todas suas fichas no eleitorado itacoatiarenese.

O município comandado por seu pai tem mais de 67 mil eleitores e se conseguir o apoio da população e escolher bem o partido que irá disputar, é possível que consiga conquistar a vitória.

Adversidade

Já Mayra Dias, por maior que seja sua popularidade na terra dos bois, pesa contra o fato de que no período de campanha e durante a eleição, estará com um bebê recém-nascido.

Além disso, a ex-miss irá dividir a preferência do eleitorado da Ilha Tupinambarana com Tony Medeiros (PSD) que já é deputado estadual e tentará a reeleição em 2022.

Tony, inclusive, era vice de Bi Garcia, marido de Mayra.

Ex-prefeito

Em contato com o Direto ao Ponto, o secretário-geral do MDB no Amazonas, Miguel Biango, revelou que o ex-prefeito de Tefé, Papi, será candidato pelo partido a deputado estadual e, inclusive, já está em articulação no município.

E prefeito

Quem também pode ser candidato é o prefeito de Maués, Júnior Leite (PSC).

Ele foi reeleito no ano passado e analisa o cenário para viabilizar sua candidatura. Ele é sobrinho do deputado federal Sidney Leite (PSD), o que em tese pode ajudar na empreitada.

Sidney, no entanto, tem estado bem próximo do atual presidente da Assembleia, deputado Roberto Cidade (PV), inclusive, com várias viagens ao interior.

Dos 61 prefeitos do interior do Amazonas, apenas Júnior considera renunciar para disputar o pleito de deputado estadual.

Caso isso aconteça, quem assume o comando de Maués é o vice, Sergio Mazzini Leite.

 

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário