Você está visualizando atualmente Opinião | Manifestação em frente ao CMA deve ganhar corpo e chegar ao ápice no feriado

Opinião | Manifestação em frente ao CMA deve ganhar corpo e chegar ao ápice no feriado

Opinião | Manifestação em frente ao CMA deve ganhar corpo e chegar ao ápice no feriado

Convites para que a população prestigie o ato tem viralizado no whatsapp

Jornalistas e influenciadores lançam manifesto pela liberdade

Em Nova York, brasileiros protestam contra ministros do STF

Após críticas de jornalista, Globo dá mais de 20 minutos de ‘entrevista’ a Janja no Fantástico

Manaus é a grande vencedora do prêmio Band Cidades Excelentes 2022

Capital conquistou o topo em seis categorias

Em 10 meses, apreensões em bases fluviais deram prejuízo de R$ 340 milhões ao crime

Manifestação

A ininterrupta manifestação em frente ao Comando Militar da Amazônia (CMA), na zona Oeste de Manaus, que reúne pessoas há quase 15 dias, ao que tudo indica, chegará ao ápice neste feriado de 15 de novembro.

Convites para a que a populações esteja no local têm circulado em grupos de Whatsapp e é possível perceber que os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL), que são maioria em Manaus, irão abraçar a causa.

Concentração

Além de Manaus, a expectativa é que a manifestação ganhe corpo, também, em outras capitais como Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília.

Transparência

Entre as pautas das manifestações, estão o pedido de mais transparência do processo eleitoral, além do fim do ativismo judicial imposto por membros do Supremo Tribunal Federal (STF) e a censura a canais de comunicação e perfis nas redes sociais.

Manifesto

No último sábado (12), influenciadores e jornalistas lançaram um manifesto em defesa da liberdade.

Divulgado nas redes sociais, o vídeo de pouco mais de três minutos ressalta a participação dos brasileiros nos protestos contra a vitória de Lula. Os participantes do vídeo criticam ainda a “parcialidade” da imprensa tradicional.

“Estamos vivendo um momento muito delicado da nossa história, em que milhares de pessoas têm ido às ruas para se manifestar, para pedir por transparência, por liberdade, para clamar pelo direito de contestar, protestar, opinar, investigar, desconfiar”, informam os participantes do vídeo.

Nomes

Entre os famosos que aparecem no vídeo estão Fernando Conrado, Bárbara do canal “Te atualizei”, Rodrigo Constantino, Adrilles Jorge, Karina Bacchi, Felipe Folgosi entre outros.

Ira do povo

Brasileiros que moram em Nova York fizeram uma manifestação ontem (13), em frente a um hotel onde vários ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), do Tribunal Superior Eleitoral, e do Tribunal de Contas da União (TCU), estão hospedados.

O Grupo Lide (Líderes Empresariais) realiza nesta segunda (14) e terça-feira (15) a 1ª edição do “Lide Brazil Conference”, no HCNY (Harvard Club of New York), nos Estados Unidos. O evento será de 10h às 14h (no horário de Brasília) e tem o objetivo de debater o respeito à liberdade, à democracia e à economia do Brasil a partir de 2023.

Críticas

O alvo da maior ira dos manifestante foi Alexandre de Moraes, que foi bastante xingado e criticado na porta do hotel. Ele saiu do local e entrou rapidamente em um carro com a ajuda de seguranças.

Gilmar Mendes e Luís Roberto Barroso também receberam o “carinho” dos presentes.

Confrontado

Já Luís Roberto Barroso foi confrontado por uma brasileira enquanto caminhava por Nova York.

No vídeo, uma mulher critica o trabalho da Corte e é possível ver que o ministro, após ser acuado, pede que a mulher “não seja grosseira”.

“Nós vamos ganhar essa luta. O senhor está entendendo que nós vamos ganhar essa luta? Cuidado, o povo brasileiro é maior que a Suprema Corte. Você não vai ganhar o nosso país. Foge!”, diz a mulher.

Barroso entra em uma loja e responde:

“Não seja grosseira. Tchau, minha senhora. Passe bem”, diz.

Lide

Sete ministros do STF participam de um evento com mais de 260 empresários organizado pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), do ex-governador de São Paulo João Doria.

Rasgação de seda

Dias após a jornalista Eliane Cantanhêde virar alvo da ira da esquerda ao criticar o protagonismo de Janja, esposa de Lula do País na transição do governo, a rede Globo fez um agrado à futura primeira-dama com uma “entrevista” – entre aspas porque se tratou mais de uma rasgação de seda do que qualquer outra coisa – de mais de 20 minutos no Fantástico.

Com as pautas de sempre da esquerda, como “machismo”, “feminismo”, “racismo”, “fascismo” e todos os “ismos” possíveis, as jornalistas Maju Coutinho e Poliana Abritta deixaram Janja bem à vontade para falar de sua história de amor com Lula.

Destaque

A Prefeitura de Manaus participou, na noite da última sexta-feira (11), da etapa estadual da edição 2022 do Prêmio Band Cidades Excelentes, que consagrou a capital amazonense como a grande vencedora deste ano.

O evento foi realizado pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação, em parceria com o Instituto Aquila e apoio da Empresa Águas de Manaus.

Manaus foi o grande destaque da premiação, ficando em primeiro lugar nas categorias: Infraestrutura e Mobilidade Urbana; Governança, Eficiência Fiscal e Transparência; Educação; Desenvolvimento Socioeconômico e Ordem Pública; e Sustentabilidade, além da premiação especial.

Campeã

Entre os 5.570 municípios brasileiros, Manaus concorreu na categoria “Acima de 100 mil habitantes” e venceu em cinco dos seis pilares de avaliação, o que garantiu à capital do Amazonas a premiação especial como vencedor geral entre os municípios com mais de 100 mil habitantes.

A avaliação e julgamento da premiação é realizado pelo Índice de Gestão Municipal Aquila (IGMA), que utiliza conceitos de big data e reúne as informações públicas mais atualizadas de todos os municípios do país.

Essa plataforma é estruturada com base em Inteligência Artificial, que a partir de um algoritmo, consolida resultados de indicadores em uma única nota final.

Prejuízo ao crime

Com o objetivo de reforçar o combate à criminalidade nos rios, que são principais rotas de acesso aos municípios do interior do estado, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) coordena operações em bases fluviais localizadas em pontos estratégicos.

Essas operações, de janeiro a outubro deste ano, já resultaram em R$ 349 milhões em prejuízo ao crime.

Siga a Direto ao Ponto:

Facebook: facebook.com/diretoaopontonews1

Instagram: @diretoaopontonews

Twitter: @diretoaoponto1_

Fale com a gente:

Receba a coluna no seu WhatsApp: 92 98422-0558

Redação: 92 99189-4271

Editor-chefe: 92 99109-1099

Deixe um comentário